Profissionais da educação acima de 18 anos ganham data de vacinação em SP

Nesta quarta-feira (19), o Estado de São Paulo anunciou a expansão da vacinação contra a Covid-19 para os profissionais da educação entre 18 e 46 anos. E ainda, para as pessoas que não possuem comorbidades com idade entre 55 a 59 anos, a partir do mês de julho.

Profissionais da educação acima de 18 anos ganham data de vacinação em SP
Profissionais da educação acima de 18 anos ganham data de vacinação em SP(Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Aqueles que possuem comorbidades devem abranger a faixa etária de 45 a 49 anos a partir de 21 de maio, e de 40 a 44 anos a partir de 28 de maio.

Além disso, o estado de São Paulo vai iniciar a imunização de pessoas sem doenças preexistentes e idades de 55 a 59 anos entre 1º de julho e 21 de julho

Calendário vacinação em SP 

  • 21 de maio: Pessoas com comorbidades ou com deficiência permanente (beneficiários do BPC) de 45 a 49 anos
  • 28 de maio: Pessoas com comorbidades ou com deficiência permanente (beneficiários do BPC) de 40 a 44 anos
  • Entre 1º de julho e 21 de julho: Pessoas sem comorbidades de 55 a 59 anos
  • De 21 a 31 de julho: Profissionais da educação de 18 a 46 anos

O que é considerado comorbidade?

  • Hipertensão resistente;
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica;
  • Insuficiência renal;
  • Doenças cardiovasculares e cerebrovasculares;
  • Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea;
  • Demais indivíduos imunossuprimidos;
  • Anemia falciforme;
  • Obesidade grau 3 (IMC≥40);
  • Síndrome de Down.

Comorbidades

As comorbidades que estão incluídas nesse grupo pessoas com  síndrome de Down, pacientes renais em diálise e pacientes transplantados imunossuprimidos com idades entre 18 e 59 anos. O grupo começou a ser vacinado desde o dia 10 de maio.

O governo espera vacinar 50 mil pessoas com síndrome de Down que tem entre 18 e 59 anos, 40 mil pacientes renais em diálise e 30 mil transplantados imunossuprimidos.

Outros grupos

O estado já começou a vacinar motoristas e cobradores, grávidas e puérperas. Que inicialmente seria em 10 de maio mas teve que ser adiada para 17 de maio por conta de determinação da Anvisa de não fazer a vacinação do grupo com AstraZeneca.

Cadastro

Para que a vacinação seja mais rápida, o governo recomenda que seja realizado o pré-cadastro no site VacinaJá, que diminui o tempo de espera no momento da vacinação.

O pré-cadastro não é obrigatório, e os cidadãos que não puderem preenchê-lo poderão se vacinar normalmente, informando seus dados presencialmente no momento da vacinação.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Profissionais da educação acima de 18 anos ganham data de vacinação em SP

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA