Banpará libera consulta online ao auxílio do Renda Pará; veja como fazer

Segurados do Renda Pará agora podem fazer consultas online. Nessa semana, o banco Banpará lançou um dispositivo para auxiliar no pagamento do auxílio emergencial local. A ferramenta é totalmente gratuita e permite que o cidadão consiga acompanhar o recebimento de seu abono. Saiba como acessa-la, abaixo.

Banpará libera consulta online ao auxílio do Renda Pará; veja como fazer (Imagem: Bruno Cecim / Ag.Para)
Banpará libera consulta online ao auxílio do Renda Pará; veja como fazer (Imagem: Bruno Cecim / Ag.Para)

Mesmo com a liberação do auxílio emergencial, diversos estados passaram a adotar seus próprios programas sociais de transferência de renda. No Pará, a população menos favorecida vem contando com o Renda Pará que agora ganhou um site para otimizar o acesso as informações de pagamento.

Como consultar o Renda Pará

Para reduzir os riscos de aglomerações nas unidades públicas, o governo, em parceria com o banco Banpará, acaba de lançar um site de consultas. Clicando aqui o cidadão consegue saber se foi aceito no Renda Pará e monitorar as datas de pagamento de seu benefício.

Basta se conectar a plataforma e clicar na aba ‘Renda Pará’. Depois, informe seus dados de identificação pessoal, como nome completo, data de nascimento e número do CPF. Confirme as informações e aguarde a análise do portal.

Uma vez registrado, ele poderá conferir os valores, datas de pagamento e demais informes sobre o projeto.

Sobre o Renda Pará

O programa vem transferindo entre R$ 400 e R$ 500 para a população de baixa renda e trabalhadores autônomos que atuem como: catadores de recicláveis, feirantes, ambulantes e guardadores de veículos.

Há ainda a inclusão de instalador de som em aparelhagens, DJ, assistente de palco, operador de áudio, técnico de iluminação e músico intérprete, na área cultural, e garçom, barbeiro, cabeleireiro, esteticista, maquiador, manicure/pedicure, guia de turismo e educador físico autônomo, na área de serviços.

Sua primeira parcela foi disponibilizada nessa segunda-feira (18) e o cronograma segue da seguinte forma:

  • 18 de Maio – para nascidos em Janeiro, Fevereiro e Março;
  • 19 de Maio – para nascidos em Abril, Maio e Junho;
  • 20 de Maio – para nascidos em Julho, Agosto e Setembro;
  • 21 de Maio – para nascidos em Outubro, Novembro e Dezembro.

Ao todo o projeto vem contando com investimentos do pacote de medidas econômicas contra o novo coronavírus cujo custo é de R$ 500 milhões.

“O equilíbrio das contas e a boa arrecadação possibilitaram que o Governo pudesse tomar as medidas necessárias para auxiliar quem, de fato, vive situação delicada por conta da pandemia”, afirma o Secretário Adjunto de Desenvolvimento Econômico, Carlos Ledo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.