Em meio à grave crise econômica, lucro dos bancos subiu 35,2% em 2021

Apesar da crise econômica presente no Brasil, os quatro grandes bancos residentes em solo nacional tiveram lucro líquido conjunto de R$ 18,6 bilhões no primeiro trimestre de 2021. Este levantamento sobre o lucro dos bancos foi realizado pela Economática.

Em meio à grave crise econômica, lucro dos bancos subiu 35,2% em 2021
Em meio à grave crise econômica, lucro dos bancos subiu 35,2% em 2021 (Imagem: Gerd Altmann/Pixabay)

O levantamento leva em consideração os resultados dos quatro maiores bancos brasileiros de capital aberto — Banco do Brasil, Bradesco, Itaú Unibanco e Santander. O resultado registrado no primeiro trimestre deste ano foi 35,2% superior ao mesmo período de 2020.

O banco que teve o maior lucro foi o Bradesco, com R$ 6,15 bilhões. Em seguida, o Itaú Unibanco teve lucro líquido de R$ 5,4 bilhões. O Banco do Brasil, registrou o valor de R$ 4,2 bilhões. Por fim, o Santander registrou R$ 2,8 bilhões no primeiro trimestre deste ano.

O resultado recente do Bradesco foi 81,9% superior ao mesmo período do ano passado. O Itaú Unibanco apresentou valor 59,2% acima do registrado em 2020. O Banco do Brasil apresentou alta de 31,9%. Já o Santander, por outro lado, foi o único que teve queda de lucratividade — de 25,4% com relação ao ano de 2020.

Segundo o levantamento, o lucro consolidado dos grandes bancos é o segundo maior registrado para os três primeiros meses do ano em valores nominais — sem considerar a inflação. O melhor resultado foi no primeiro trimestre de 2019. Na ocasião, a soma dos quatro bancos foi de R$ 19,9 bilhões.

Lucro dos bancos levantados nos últimos trimestres

  • 1º trimestre de 2021 — R$ 18,6 bilhões
  • 4º trimestre de 2020 — R$ 20,1 bilhões
  • 3º trimestre de 2020 — R$ 15,5 bilhões
  • 2º trimestre de 2020 — R$ 12,1 bilhões
  • 1º trimestre de 2020 — R$ 13,7 bilhões
  • 4º trimestre de 2019 — R$ 21,8 bilhões
  • 3º trimestre de 2019 — R$ 19,2 bilhões
  • 2º trimestre de 2019 — R$ 20,4 bilhões
  • 1º trimestre de 2019 — R$ 19,9 bilhões

Valor de mercado dos quatro bancos

Na última sexta-feira (7), o valor de mercado consolidado dos quatro maiores bancos do Brasil é de R$ 704,5 bilhões.

Ao considerar esta data, o maior valor de mercado foi de Itaú Unibanco, com R$ 254,7 bilhões. O Bradesco esteve com R$ 218,8 bilhões. O Santander apresentou o valor de R$ 145,4 bilhões. Por fim, o Banco do Brasil esteve com R$ 85,4 bilhões.

De todos os trimestres apurados pelo levantamento, o quarto trimestre de 2019 teve o melhor resultado conjunto. O valor registrado na ocasião foi de R$ 951,8 bilhões.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.