Jovem Aprendiz da Marinha: Quem pode participar da seleção em 2021?

Neste ano, o concurso da Marinha abriu 750 vagas para Jovem Aprendiz. As oportunidades são voltadas para aqueles que querem fazer formação para aprendizes-marinheiros, e desejam seguir a carreira militar.

Jovem Aprendiz da Marinha: Quem pode participar da seleção?
Jovem Aprendiz da Marinha: Quem pode participar da seleção? (Imagem: Reprodução Focus Concursos)

Os interessados podem se inscrever a partir de 24 de maio até 13 de junho de 2021, no site de ingresso marinha. O valor da taxa de inscrição é de R$ 40.

O curso tem duração de um ano, neste período será pago uma bolsa no valor de R$ 1.303,90. Assim como alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa. Depois da promoção ao cargo, o militar receberá R$ 2.294, 50 bruto.

Quem pode participar do Jovem Aprendiz da Marinha?

As vagas são direcionadas para os jovens que desejam se formar na escola de marinheiros e seguir na carreira.  

Os requisitos exigidos são:

  • Ser brasileiro nato ou naturalizado;
  • Ser do sexo masculino;
  • Ter altura mínima de 1,54m e máxima de 2,00m;
  • Não ser casado ou não constituído união estável;
  • Ter 18 anos completos e menos de 22 anos no primeiro dia do mês de janeiro de 2021;
  • ter concluído com aproveitamento ou estar em fase de término do 3º ano do ensino médio;
  • Possuir idoneidade moral.

Aqueles que ingressarem na Marinha, deverão seguir as normas e compromissos de honra. Entre eles estão:

  • Fidelidade à Pátria;
  • Culto aos símbolos nacionais;
  • Proibido a deslealdade em qualquer circunstâncias;
  • Disciplina e respeito à hierarquia;
  • Obrigação de tratar com dignidade o subordinado.

Como funciona a seleção?

Os aprovados devem passar por 7 etapas do processo seletivo, todas com caráter eliminatório e classificatório de:

  • Prova objetiva;
  • Verificação de Dados Biográficos (VDB);
  • Inspeção de Saúde (IS);
  • Teste de Aptidão Física (TAF);
  • Avaliação Psicológica (AP);
  • Verificação de Documentos (VD);
  • Procedimento de Heteroidentificação Complementar à Autodeclaração (PH).

A prova objetiva, prevista para acontecer na segunda quinzena julho de 2021, será composta por 50 questões de múltipla escolha. As matérias abordadas são:

  • 15 questões de Português;
  • 15 questões de Matemática;
  • 15 questões de Ciências (Física e Química);
  • 5 questões de Inglês.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.