Atenção! Site do Dataprev vai liberar aprovados no auxílio emergencial 2021

O site do Dataprev é o responsável por apurar e apresentar os dados referentes aos aprovados no auxílio emergencial 2021. Para acessar, basta informar o nome completo, CPF, nome da mãe e data de nascimento.

Atenção! Site do Dataprev vai liberar aprovados no auxílio emergencial 2021
Atenção! Site do Dataprev vai liberar aprovados no auxílio emergencial 2021 (Imagem: Montagem / FDR)

Em seguida, o usuário conseguirá verificar todas as rodadas do auxílio emergencial em que foi aprovado desde 2020, bem como, a análise atual. Neste caso em específico, o beneficiário será informado sobre os motivos que o tornaram inelegível para o auxílio emergencial 2021. 

Isso porque, para conseguir viabilizar o auxílio emergencial 2021, foi preciso que o Governo Federal implementasse alguns novos critérios de seleção que excluíram vários brasileiros desta nova rodada do benefício.

O principal deles é que agora, somente um membro do grupo familiar poderá receber o recurso. 

No geral, permanecem os requisitos estabelecidos em 2020, que são: 

Se os beneficiários continuarem se enquadrando nestes requisitos, eles terão a chance de receber as quatro parcelas do auxílio emergencial 2021 durante os meses de abril, maio, junho e julho.

Desta vez, não será pago um valor fixo, mas sim, quantias que variam de acordo com as características apresentadas pelo beneficiário no momento da inscrição. 

Portanto, recebem a parcela mínima de R$ 150,00 aqueles que moram sozinhos. Enquanto a parcela no valor médio de R$ 250,00 é paga ao responsável do grupo familiar. Por fim, a parcela máxima de R$ 375,00 é destinada à mãe solteira chefe de família. 

O Dataprev divulgou a lista de aprovados no auxílio emergencial 2021 no dia 2 de abril, no entanto, até o início desta semana foi possível identificar alguns casos em processamento, ou seja, aguardando pelo resultado final.

Aqueles que tiveram o benefício negado nesta nova rodada, tiveram até a última segunda-feira, 12, para contestar o resultado.

Embora, ao acessar o portal e visualizar o resultado, o beneficiário é instruído de que tem até dez dias úteis contados a partir da data do resultado para fazer a contestação. 

Junto ao resultado da análise, também será apresentado ao beneficiário os motivos que negativaram o auxílio emergencial 2021. Se houver a possibilidade de contestar o resultado, este botão ficará disponível na mesma página.

Assim, basta que o cidadão forneça todos os documentos e alegações capazes de comprovar o direito ao benefício. 

O Ministério da Cidadania dividiu o resultado das análises nas três categorias a seguir: 

Elegível: beneficiário apto a receber o auxílio;

Inelegível: beneficiário que não se enquadra em algum dos requisitos que dão direito ao auxílio;

Em processamento: benefício retido pela pasta no sentido de passar pelo cruzamento de dados e verificar minuciosamente se terão ou não direito ao auxílio. 

Desta forma, em um primeiro momento não terão direito ao auxílio emergencial 2021 os beneficiários listados a seguir, a menos que consigam provar o contrário na contestação.

  • Menor de idade;
  • Registro de óbito; 
  • Beneficiário de pensão por morte;
  • Vínculo ao RGPS;
  • Seguro-desemprego;
  • Inscrição SIAPE ativa;
  • Registro de trabalho intermitente ativo;
  • Renda familiar per capita;
  • Renda total superior ao teto do auxílio;
  • BPC; 
  • Preso em regime fechado; 
  • Beneficiário do auxílio-reclusão;
  • Preso sem identificação do regime;
  • Vínculo nas forças armadas;
  • Brasileiros que moram no exterior;
  • Benefício Emergencial (BEm);
  • Militar sem renda identificada no grupo familiar;
  • CPF não localizado;
  • Estagiário no Governo Federal; 
  • Médico residente ou multiprofissional no Governo Federal; 
  • Recursos não movimentados;
  • Bolsista do CAPES, CNPQ, MEC ou FNDE;
  • Estagiário ou servidor do Poder Judiciário.

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA