MEC retorna ao antigo método de nota de corte do SISU; o que muda?

Após diversas reclamações, até mesmo com pedidos de parlamentares, o MEC decidiu retornar ao antigo sistema de cotas do SiSU. Com isso, os estudantes não terão mais a dupla classificação. Entenda os desdobramentos dessa decisão!

MEC retorna ao antigo método de nota de corte do SISU; o que muda?
MEC retorna ao antigo método de nota de corte do SISU; o que muda? (Imagem: Notícia Concurso)

O que ficou conhecido em 2020 como #erronosisu estava sendo usado para a primeira seleção do ano no Sistema.

Vale lembrar que o MEC fez questão de comentar que não se tratava de um erro de fato:

“Em nenhum momento isso configurou erro ou desvirtuamento na divulgação das notas de corte, já que ambas as formas de geração e apresentação desses dados estão em total acordo com as regras que regem os processos seletivos do Sisu, desde 2012, conforme a Portaria Normativa MEC nº 21/2012”.

Basicamente o sistema estava funcionando da seguinte forma:

O estudante se inscrevia para as duas opções de cursos. E sua nota de corte era calculada de um modo que considerava as duas opções de curso ao mesmo tempo.

Volta ao método tradicional das notas do SiSU 2021

Em seu site oficial o Ministério da Educação justificou o retorno ao método tradicional da seguinte forma:

“No entanto, diante de apelos contrários à forma de divulgação da nota de corte, adotada a partir de 2020, a atual gestão do MEC determinou que a nota de corte volte a ser divulgada como era antes daquela alteração no seu formato, desde que em condições de indicar aos candidatos informações que permitam ampliar as chances de ingressar na educação superior e se graduar em uma das 109 instituições públicas de ensino superior com ofertas de vagas nesta edição do Sisu”.

A partir dessa terça-feira e vai até a quarta-feira os estudantes já terão acesso ao sistema antigo. Lembrando que as inscrições no SiSU 2021 foram prorrogadas.

Isso quer dizer que a nota de corte que aparece para o estudante é referente apenas a sua primeira opção de curso.

Ou seja, serão notas de cortes diferentes para cada opção de curso, como já acontecia anteriormente.

Fique bem informado, acompanhe a editoria de carreiras do FDR .

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.