Calendário de vacina da COVID-19 em SP inclui 530 mil professores; cadastre-se

Governo de São Paulo passa a incluir professores no calendário de vacinação. Nessa semana, o governador João Doria informou que estará disponibilizando doses do imunizante contra a covid-19 para 530 mil profissionais da educação e segurança pública. As medicações passarão a ser ofertadas no começo de abril, com previsão de fim ainda na primeira quinzena do mês.

publicidade
Calendário de vacina da COVID-19 em SP inclui 530 mil professores; cadastre-se (Imagem: Governo do Estado de São Paulo)
Calendário de vacina da COVID-19 em SP inclui 530 mil professores; cadastre-se (Imagem: Governo do Estado de São Paulo)

Diante do crescimento no número de contaminações pela covid-19, o cronograma de vacinação vem sendo ampliado pelo governo do estado. Além de priorizar idosos e profissionais da rede pública, a secretaria de saúde de São Paulo passará a imunizar também os professores e agentes de segurança.

A decisão foi informada por João Dória nessa quarta-feira (24), reforçando que o estado tem sido o mais rápido no que diz respeito a aplicação das vacinas.

publicidade

De acordo com ele, a parceria com o Instituto Butantan otimiza o andamento da campanha que vem sendo tratada como pauta central de sua gestão.

“São Paulo é o estado que mais vacina no Brasil, com velocidade, eficiência e um programa estadual bem elaborado na logística e ação coordenada com as prefeituras”, afirmou o Governador. “É isso que está permitindo uma vacina efetivas, eficiente, sem perdas e com velocidade”, acrescentou.

Calendário de vacinação em São Paulo

O novo grupo passará a ser imunizado a partir do dia 5 de abril. A previsão inicial é de que no primeiro lote cerca de 180 mil policiais civis, militares e técnicos-científicos, agentes penitenciários, bombeiros e guardas civis metropolitanos sejam medicados.

“Desde o início da pandemia, nós potencializamos a atividade policial e nos submetemos à elevadíssima exposição”, afirmou o Secretário de Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos. “A vacina aos policiais, guardas civis e agentes penitenciários chega como uma benção.”

Já os profissionais de saúde terão acesso a vacina no dia 12 de abril. O grupo terá cerca de 350 mil professores e demais funcionários que atuam na rede municipal e estadual com mais de 47 anos. Já para a rede privada, a dose só será concedida sob a apresentação obrigatória dos últimos contracheques.

“São doses de esperança, para que as escolas não fechem mais e nossos estudantes possam recuperar e seguir o percurso de aprendizagem”, declarou o Secretário da Educação Rossieli Soares.

publicidade

Cadastro para receber a vacina

O governo informou ainda que quem tiver o interesse já pode acessar o site Vacina Já para ter acesso aos formulários de pré cadastro.

A ficha pede que sejam inseridas informações básicas, como: nome, endereço, data de nascimento, CPF e número de celular. Segundo o estado, fazer esse cadastro poupa em 90% o tempo no dia da aplicação do imunizante.

Isso porque, quando o cidadão chegar ao local para receber a vacina, os profissionais responsáveis já terão o seu cadastro quase preenchido. Finalizando apenas com as últimas informações. Mas, esse preenchimento online não é obrigatório. 

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!