Covas reforça isolamento em SP com rodízio e antecipação de feriados

Nesta quinta, 18, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, comunicou a antecipação de cinco feriados e alterações no rodízio de veículos na tentativa de conter o avanço de casos de coronavírus e aumentar o isolamento em SP. Covas também disse que serão abertos mais 640 leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19.

Covas reforça isolamento em SP com rodízio e antecipação de feriados
Covas reforça isolamento em SP com rodízio e antecipação de feriados (Imagem Google)

Feriados em São Paulo

“Antecipamos para os dias 26, 29, 30 e 31 de março e dia 1º de abril, juntando inclusive com o feriado nacional que temos dia 2, Sexta-feira Santa. Então temos um prazo que vai do dia 26 até o dia 4 de abril sem dia útil para poder exatamente forçar a cidade de São Paulo a parar.”, disse o prefeito.

Durante o encontro com jornalistas, Covas explicou que serão antecipados dois feriados municipais de 2021 (Corpus Christi, previsto para 3 de junho, e Dia da Consciência Negra, em 20 de novembro). E

três feriados municipais do ano que vem (fundação de São Paulo, 25 de janeiro, Corpus Christi, 16 de junho, e Dia da Consciência Negra, 20 de novembro). 

Ele disse ainda que debate a antecipação do feriado estadual da Revolução Constitucionalista, no dia 9 de julho.

A antecipação de feriados já foi aplicada no ano passado. Na ocasião, o prefeito antecipou os feriados de Corpus Christi e Consciência Negra justamente para tentar controlar a transmissão do vírus.

Esta nova antecipação tem a finalidade de descarregar o sistema de saúde e controlar a circulação de pessoas pela cidade. Nesta semana, o índice de isolamento social na capital ficou em torno de 45%. 

O governo deseja atingir um patamar de isolamento perto dos 70% e que as empresas que permanecem funcionando mesmo com as restrições atuais interrompam as atividades nesses dias. Não foi informado se bancos e outros serviços vão aderir ao recesso.

Rodízio de veículos 

Nas próximas duas semanas, entre 7h e 10h e entre 17h e 20h, a circulação de veículos está liberada. O rodízio será aplicado entre as 20h e 5h, mesmo horário da restrição de circulação imposta pelo governo estadual.

Confira os veículos que não podem circular no centro expandido nos seguintes horários:

  • Placas finais 1 e 2: das 20h de segunda às 5h de terça 
  • Placas finais 3 e 4: das 20h de terça às 5h de quarta 
  • Placas finais 5 e 6: das 20h de quarta às 5h de quinta 
  • Placas finais 7 e 8: das 20h de quinta às 5h de sexta 
  • Placas finais 9 e 0: das 20h de sexta às 5h de sábado

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.