Secretaria de Educação abre 98 vagas de emprego em Pernambuco

A Secretaria de Administração e Secretaria de Educação de Pernambuco, abriram 98 vagas para uma seleção simplificada para a contratação temporária de profissionais da área de alimentação escolar, arquitetura e engenharia. As inscrições começam hoje, 15 de março, e vão até o dia 11 de abril de 2021.

Secretaria de Educação abre 98 vagas de emprego em Pernambuco
Secretaria de Educação abre 98 vagas de emprego em Pernambuco (Imagem: Reprodução G1-Globo)

Vagas de emprego

Foram abertas 98 vagas para a contratação temporária para trabalhar na Secretaria de Educação do Estado.

Serão 60 vagas para a área de alimentação escolar e 38 para a área de arquitetura e engenharia. Os salários são de até R$ 4.590,00.

As vagas são para os cargos de:

  • Arquiteto;
  • Coordenador de alimentação escolar;
  • Engenheiro civil (orçamento);
  • Engenheiro civil (obra);
  • Engenheiro civil (manutenção);
  • Engenheiro Elétrico;
  • Técnico em edificação;
  • Técnico em climatização e refrigeração;
  • Técnico em segurança do trabalho;
  • Cadista.

Inscrições

As inscrições para o processo seletivo da Secretaria de Administração e Secretaria de Educação de Pernambuco começam a partir de hoje, 15 de março, e vão até o dia 11 de abril de 2021. O resultado será divulgado em 11 de maio de 2021.

Para participar do processo os interessados devem preencher uma ficha de inscrição on-line, pelo site da IDIB, e realizar o pagamento da taxa no valor de R$ 24.

Documentação e títulos

Depois de ter feito sua inscrição e a banca organizadora ter recebido a confirmação do pagamento da taxa, o candidato irá receber um link e uma senha por meio do e-mail cadastrado.

Após ter acessado o link, ele deve se identificar com o CPF e a senha em que recebeu. Ao abrir a página ele encontrará a sessão em que deve anexar os documentos e títulos comprobatórios elencados para preencher a tabela de pontuação.

Os documentos são:

  • Documento de Identidade (frente e verso);
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de quitação eleitoral;
  • Comprovante de quitação do serviço militar (frente e verso), obrigatório para candidatos do sexo masculino;
  • Carteira Nacional de Habilitação – CNH (frente e verso);
  • Documentos de comprovação da formação/titulação e cursos (frente e verso);
  • Documentos de experiência profissional (frente e verso, se houver);
  • Declaração de Deficiência (se necessária), especificando essa condição quando for o caso;
  • Certidão de atuação como jurado (se aplicável).

Seleção

O processo seletivo será composta por uma única seleção de avaliação da experiência profissional e de títulos dos candidatos.

Só serão aceitos e pontuados os títulos de cursos e experiências profissionais que forem da mesma área para a qual o candidato se inscreveu.

Não serão considerados para pontuação: atividades voluntárias, estágios, monitorias, bolsas de iniciação científica, tutoriais, simpósios, seminários, feiras e demais eventos correlatos.

Mariana CastroMariana Castro
Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes - SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a sessão de carreiras do FDR.