Cartão alimentação escolar foi prorrogado no Distrito Federal; confira novo prazo

Famílias terão mais 30 dias para gastar o crédito do cartão Alimentação Escolar e Alimentação Creche. Nessa semana, o governo do Distrito Federal informou que estará prorrogando o prazo de utilização dos recursos destinados a manutenção da feira de crianças e adolescentes da rede pública de ensino. Abaixo, entenda o funcionamento e novos prazos.

Cartão alimentação escolar foi prorrogado no Distrito Federal; confira novo prazo (Imagem: Google)

Com as escolas públicas fechadas, o governo do Distrito Federal passou a conceder uma espécie de cartão alimentação para crianças e adolescentes que dependem da merenda para se nutrir. Inicialmente, a utilização dos recursos se encerraria em 12 de fevereiro, mas acabou sendo postergado para março. 

De acordo com os últimos informes concedidos pela gestão federal, a população terá até 14 de março para poder fazer as compras utilizando o cartão. Cada dispositivo têm um crédito específico de acordo com a quantidade de alunos.

Distribuição do cartão alimentação

Ao todo, a região contou com a entrega de há 6.251 cartões Alimentação Escolar que ainda não foram utilizados, totalizando uma despesa de R$ 7.578.560,78. Já o benefício creche foi de 341 cartões, com um orçamento total de R$ 407.954,27.

Verificação dos créditos

Para quem quiser se informar sobre os valores presentes no cartão basta ligar para 3029-8440 ou baixar o aplicativo BRB Card Pré-pago. É importante ressaltar que os dispositivos foram entregues exclusivamente para os responsáveis dos alunos da rede pública.

O processo de cadastramento e repasse foi feito de acordo com os centros de ensino individualmente. Cada familiar foi convocado a comparecer até a unidade de atendimento e solicitar o cartão.

Distribuição da merenda em tempos de covid

Diante da permanência do novo coronavírus, ainda não se sabe se o governo deverá renovar a proposta. Com as escolas ainda paralisadas, os gestores deverão se reunir para definir como ficará o repasse da merenda ao longo das próximas semanas.

É válido ressaltar que a iniciativa vem sendo adotada também em outros estados, como Pernambuco, onde os alunos da rede pública receberam cestas básicas para garantir o direito a alimentação.

Em São Paulo, o governador João Doria também garantiu a liberação de recursos para os jovens e crianças, juntamente com demais estados como o Rio de Janeiro, entre outros.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.