Gabarito da prova de reaplicação do ENEM 2020 será postado amanhã (1)

Os candidatos que foram impedidos de realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, nas datas regulares, fizeram a reaplicação da prova na última terça-feira (23) e quarta-feira (24). Foram mais de 194 mil candidatos em 851 cidades do país.

Resultado da reaplicação do ENEM 2020: Veja quando Inep vai postar as notas
Gabarito da prova de reaplicação do ENEM 2020 será postado amanhã (1) (Imagem: Google)

A prova foi marcada para aqueles que estavam inscritos em locais onde as provas foram suspensas por conta da pandemia estar em avanço. Ou, estavam com Covid no dia do exame, ou aqueles que tiveram problemas com logística como salas lotadas que impediram o distanciamento entre os participantes.

Reaplicação do ENEM 2020

A estrutura das provas seguiu sendo as mesmas, de acordo com o governo, as perguntas foram diferentes da aplicação regular, mas com o mesmo nível de dificuldade.

O primeiro dia foram realizadas as provas de linguagens, ciências humanas e a redação. E no segundo dia, matemática e ciências da natureza.

O gabarito da prova será divulgado na segunda-feira (1) e as notas individuais serão divulgadas no dia 29 de março.

Enem 

Essa é a última data das provas do Enem, que teve a sua edição marcada pelo adiamento de novembro para janeiro, por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus.

As provas foram realizadas em 17 e 24 de janeiro para a versão impressa e 31 de janeiro e 7 de fevereiro para a versão digital, inédita.

Apesar disso, nem todos os candidatos compareceram para a realização:

  • 5,5 milhões eram esperados para a prova impressa. Mais da metade não foi. O primeiro dia teve 51,5% de candidatos faltosos; o segundo dia foi de 55,3%.
  • 96 mil estavam confirmados para o Enem digital. O primeiro dia de prova teve 68% de abstenção, e o segundo dia, 71,3%. O número só não é recorde porque essa foi a primeira vez que o Enem aplicou uma versão digital da prova.

O Enem foi criado em 1998, para avaliar o desempenho dos estudantes do ensino médio. 

No ano de 2004, essa prova passou a ser usada para ingressar nas instituições de ensino superior. Já em 2010 foi integrado ao Sistema de Seleção Unificada (SISU).

Essa é uma das principais formas que os estudantes encontraram para entrar nas faculdades públicas e até privadas do país, que aceitam as notas obtidas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.