Está isento do Imposto de Renda 2021? Tenha ESSA atitude e consiga restituição

Neste ano de 2021, a declaração do Imposto de Renda vai começar a ser entregue no mês de março, porém, não são todos os brasileiros que devem fazer a declaração. Os isentos pelas regras da Receita Federal podem ter benefícios caso decidam prestar contas ao Fisco.

Está isento do Imposto de Renda 2021? Tenha ESSA atitude e consiga restituição

Alguns contribuintes podem conseguir restituição do imposto retido na fonte do ano anterior e receber um valor que não esperava. Saiba em quais situações vale a pena fazer a declaração.

Restituição de Imposto de Renda Retido na Fonte

Apesar da Receita não ter divulgado ainda as regras para a declaração deste ano, os especialistas acreditam que serão as mesmas do ano passado. 

Sendo assim, estarão isentos de declarar os contribuintes que receberam no ano passado rendimentos tributáveis como salários, pensões ou rendas por aluguel, no valor de até R$ 28.559,70, ou rendimentos isentos de até R$ 40 mil.

Os contribuintes que não receberam rendimentos tributáveis abaixo do limite, porém tiveram algum imposto retido na fonte, a declaração pode acabar sendo restituído do valor. 

Essa retenção é uma antecipação do que é devido no ano. Caso haja retenção, mas o contribuinte ficou abaixo no mínimo, deve ser apresentada uma declaração para ter direito a restituição.

Comprovante de rendimentos

Uma vantagem na declaração do IR é possuir um documento que comprove os seus rendimentos naquele ano. Essas provas podem ser úteis em diversos momentos, como no momento de dar entrada em um financiamento para comprar uma casa ou um carro.

Além disso, a declaração pode ser necessária caso o contribuinte queira obter um visto para viajar ao exterior. O consulado americano, solicita a declaração para que seja feita a emissão do documento que permite a entrada no país.

Riscos para aqueles que declaram

Os especialistas afirmam que aqueles que se encontram em alguns dos casos a restituição do que foi pago anteriormente é um direito do contribuinte. Com isso, vale a pena fazer o preenchimento da declaração do imposto de renda.

O presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro (CRCRJ), Samir Nehme, explica que: “A única “desvantagem” seria passar pelo processo de produzir a declaração. Mas, como bônus, a entrada de um dinheiro inesperado que em 2021 certamente cairá muito bem.”

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.