IPVA do Rio Grande do Sul garante redução de 21% para quem quitar até hoje (26)

Nesta sexta-feira (26), é o último dia para os motoristas gaúchos que querem garantir o seu desconto máximo de 21,6% no o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

IPVA do Rio Grande do Sul garante redução de 21% para quem quitar até hoje (26)!

De acordo com a Secretaria Estadual da Fazenda, até o dia 22 cerca de 1,3 milhão dos 3,6 milhões de veículos tributados em 2021 já estavam regularizados. Sendo assim, o estado já arrecadou cerca de R$1,33 bilhão dos R$3,14 bilhões que estavam previstos para este ano.

Os proprietários dos veículos fabricados a partir do ano de 2002 precisam pagar o IPVA 2021.

Esse pagamento antecipado reduz em até 2% se o  pagamento for realizado em fevereiro. 

São garantidos ainda até 15% de desconto do Bom Motorista e de até 5% de Bom Cidadão.

Os descontos oferecidos para os bons motoristas são em três faixas: 

  • Aqueles que não tem nenhum registro de infração entre 1º de novembro de 2017 e 31 de outubro de 2020, consegue 15% de desconto;
  • Os motoristas que sofreram multas entre 1º de novembro de 2018 e 31 de outubro de 2020, consegue desconto de 10%;
  • Aqueles que estão sem infrações após 1º de novembro de 2019 tem direito a 5% de desconto.

O desconto de Bom Cidadão que está ligado ao programa de Nota Fiscal Gaúcha (NFG) também possui 3 faixas:

  • Os contribuintes que tiverem 150 ou mais notas fiscais ganha benefício de 5% de desconto;
  • Já os contribuintes que têm entre 100 e 149 notas fica em 3%;
  • Os que possuem entre  51 a 99 cupons, o abatimento no imposto é de 1%.

Os contribuintes que optarem pelo parcelamento do imposto em três vezes, realizando o pagamento da primeira parcela no mês de janeiro devem quitar a segunda cota até o dia 26 para ter um desconto de 2%. E a terceira parcela terá 1% de desconto e vence no dia 31 de março.

O IPVA pode ser pago em agência,  pontos de atendimento ou internet banking do Banrisul, Bradesco, Sicredi e Santander.

Além disso, o pagamento pode ser feitos nas agências lotéricas da Caixa e no Banco do Brasil, que neste caso o pagamento só pode ser realizado por clientes do banco.

Já a segunda parcela só pode ser quitada nos sistemas de bancos credenciados.

Essa taxa de licenciamento e multas pode ser paga separada do IPVA.

Para pagar o imposto é preciso apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou a placa e o Renavam do veículo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA