Novo lote da vacina da COVID-19 chega ao DF e idosos serão priorizados

Novo lote de vacina contra o novo coronavírus deve ser entregue no Distrito Federal. Nessa segunda-feira (22), o Ministério da Saúde informou que estará enviando novas doses de medicamento para Brasília e demais regiões do DF. Com isso, espera-se que o governo local passe a priorizar a vacinação de pessoas acima dos 78 anos. Acompanhe.

Novo lote da vacina da COVID-19 chega ao DF e idosos serão priorizados (Imagem: Google)

A campanha de vacinação contra o novo coronavírus permanece sendo realizada em todo o país. No Distrito Federal serão enviadas cerca de 100 mil novas doses para a imunização da população idosa.

A previsão é de que pessoas entre 75 e 78 anos sejam convocadas ao longo das próximas semanas para tomar a vacina.

O critério utilizado pelo ministério para poder priorizar o repasse dos medicamentos tem levado em consideração os índices epidemiológicos em cada região. Os estados com a situação mais crítica em relação ao número total de contaminados vem recebendo lotes maiores do medicamento.

Índices da covid-19 no Distrito Federal

De acordo com o último balanço das 24h passadas, a região contabilizou 843 casos e 10 vítimas fatais pelo novo coronavírus. Ao todo, de acordo com a Secretaria de Saúde, já são 289.820 ocorrências da doença e 4.757 mortos.

Em fevereiro a média de casos teve uma alta de 28%. Os óbitos foram aumentados em 7,6% 7,6%, em comparação à taxa observada na primeira quinzena do mês, já média móvel é de 9,85.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI reservados para o tratamento da doença está em 85,84% e o total de pessoas recuperadas foi de 280.094 (96,6%).

Estoque da vacina em baixa

A região está ainda com um estoque de 69.176 vacinas. Desse total, apenas 7.421 unidades são destinadas para o uso na primeira dose e 61.755 devem ser utilizadas na segunda aplicação.

O número, conforme alertou a secretaria de saúde, é o suficiente apenas para um dia e meio da campanha, ou seja, caso não fossem recebidos novos lotes seria necessário paralisar o calendário de imunização.

Para mais informações sobre o andamento das campanhas de vacinação da covid-19 no Distrito Federal e em demais regiões do Brasil, acompanhe nosso portal.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.