Informe de rendimentos para IRPF 2021 deve ser enviado até dia 26; solicite!

As empresas, bancos e corretoras de valores tem até o próximo dia 26 de fevereiro, para enviar aos seus funcionários e clientes o informe de rendimentos relativos a 2020. Os informes são necessários para o preenchimento da declaração do Imposto de Renda 2021. 

Informe de rendimentos para IRPF 2021 deve ser enviado até dia 26; solicite!
Informe de rendimentos para IRPF 2021 deve ser enviado até dia 26; solicite! (Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

A Receita utiliza o informe para conferir as informações, saber quanto foi pago de imposto no decorrer do ano anterior e para constatar se houve ou não sonegação. 

O envio do documentos pelos Correios não é uma regra para as empresas e instituições financeiras. O envio pode ser feito por e-mail ou disponibilizado para consulta pela internet ou aplicativo, o que geralmente acontece. 

Se você tiver conta corrente ou investimentos em mais de um banco ou corretora, você precisa obter os informes de todas as instituições onde mantém recursos.

O que é o informe de rendimentos 

O informe é um dos documentos mais utilizados para fazer a declaração do IR. Nele, constam os valores recebidos pelo contribuinte no decorrer do ano, quanto foi pago de imposto na fonte e quanto contribuiu ao INSS.

Já no caso do informe de investimentos que é fornecido pelos bancos, existem dados sobre conta corrente, poupança, aposentadoria privada ou qualquer tipo de investimento realizado pelo contribuinte. É necessário apresentar à Receita todos os rendimentos do ano.

Aposentados e pensionistas pegam o documento no INSS

Os aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) devem retirar os comprovantes relativos aos seus rendimentos em 2020. Este procedimento pode ser feito pra internet. 

Acesse a página do Meu INSS. Utilize sua senha para acessar o sistema. Caso ainda não tenha, siga os passos informados pelo site para obter a senha. Também é possível fazer a consulta pelo aplicativo Meu INSS, disponível para celulares com sistema Android e iOS.

O que fazer se meu informe não chegar?

Caso o documento não chegue por nenhum meio até o fim deste mês, o contribuinte deve deve contatar o RH da empresa ou o gerente da instituição financeira que deixou de emitir o documento. Se, ainda assim, nada for feito, o problema deve ser comunicado à Receita Federal.

Em caso de erros, peça a correção do informe 

Se o documento apresentar qualquer tipo de erro, o empregado deve pedir o documento corrigido.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.