Quem precisa fazer o pagamento do carnê leão 2021?

O carnê leão é obrigatório para todos os brasileiros que receberam rendimentos de pessoa física e não tiveram retenção na fonte. Desde o mês de fevereiro deste ano, o carnê pode ser pago online pelos contribuintes.

Quem precisa fazer o pagamento do carnê leão 2021?
Quem precisa fazer o pagamento do carnê leão 2021? (Foto: Google)

Antes disso, era preciso baixar um programa, calcular o imposto e logo depois pagar.

Essa mudança já está valendo para os valores que serão recebidos em janeiro deste ano, no qual o recolhimento do imposto pode ser feito até fevereiro.

Quais são os recebimentos que não são debitados na fonte?

  • Recebimento de aluguéis de imóveis e veículos no exterior;
  • Autônomos;
  • Profissionais liberais;
  • Beneficiários de pensão alimentícia;
  • Pessoa que recebe de pessoa física sem vínculo empregatício.

Essa declaração é obrigatória para aqueles que têm rendimentos acima de R$1.903,98 por mês.

Como fazer o preenchimento online do carnê leão?

A arrecadação será feita online por meio do Portal e-CAC, a mudança foi apenas do sistema, as regras continuam as mesmas.

  • Para entrar no sistema é preciso  preencher os campos com CPF, código de acesso, senha e clique em “Continuar”. Caso não possua código de acesso é preciso realizar um cadastro prévio;
  • Após entrar no sistema com login e senha procure por “Meu Imposto de Renda”, que fica na lateral esquerda do menu;
  • No painel de serviços, localize a seção “Declaração” e clique sobre a opção “Acessar Carnê-Leão”;
  • Em outra tela, escolha a opção “Identificação”, no menu lateral esquerdo e complete as informações pessoais como número de dependentes, telefone e número do PIS/PASEP, nos casos aplicáveis;
  • Deve ser repetido o processo nos campos de “Endereço profissional” e “Ocupação”. No preenchimento escolha a opção correspondente na lista de ocupações e clique em “Adicionar”.
  • Logo depois, clique em “Salvar Identificação”;
  • No menu lateral esquerdo, escolha a opção “Rendimentos”. Depois, clique sobre o botão “+ Rendimento”, para inserir informações sobre valores recebidos;
  • Selecione a opção correspondente ao rendimento a ser declarado entre “Trabalhador Não Assalariado” e “Outros Rendimentos” preencha as informações sobre a natureza do recebimento e valor. Clique em “Incluir Rendimento”;
  • Para imprimir o documento de arrecadação, vá até o menu lateral esquerdo e clique sobre a opção “Demonstrativo”. No quadro de demonstrativos de apuração, role a tela até a linha de “Pagamentos/DARF” e clique no ícone de impressora correspondente ao valor a ser recolhido;
  • Faça a conferência dos dados no PDF e se as informações estiverem corretas, faça o download e impressão do arquivo para pagamento do Carnê-Leão.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.