Procon firma parceria com FORD para garantia de peças aos consumidores

O Procon de São Paulo e a Ford Motor Company, assinaram um acordo no qual a empresa se compromete a manter a assistência ao consumidor no Brasil. Com operações de venda, serviços, assistência técnica, peças de reposição e garantia para seus clientes.

Procon firma parceria com FORD para garantia de peças aos consumidores
Procon firma parceria com FORD para garantia de peças aos consumidores (Imagem Google)

O acordo que foi divulgado nesta quarta, 10, abrange todo o país e fica vigente durante toda a vida útil dos veículos vendidos pela marca.

“O acordo garante a tranquilidade de quem já possui um veículo da montadora ou que venha a adquirir um. Vale destacar que o acordo é válido para todo o Brasil”, disse o diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez.

A Ford comunicou em janeiro deste ano o fim de suas atividades produtivas no Brasil e o fechamento de suas duas fábricas em Camaçari (BA) e Taubaté (SP). Permanecem em operação somente o Centro de Desenvolvimento, na Bahia; o Campo de Provas, em Tatuí (SP); e sua sede regional, em São Paulo.

Ford foi notificada pelo Procon

A Ford foi notificada no mês passado pelo Procon para que esclareça como irá garantir os direitos dos clientes após o anúncio dos fim das atividades da empresa no Brasil.

O órgão queria saber de que forma seria feito o atendimento aos consumidores que possuem veículos dentro do prazo de garantia, e por quanto tempo, e de que forma, serão disponibilizadas as peças de reposição para veículos fora da garantia.

Também é questionado se o fim das atividades das fábricas vai impactar os prazos de entrega dos veículos novos que foram adquiridos recentemente.

O Procon afirma que estas questões são importantes para assegurar os direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor.

A Ford também respondeu ao Procon se haverá algum ônus para os consumidores que desistirem da compra de um veículo após o comunicado sobre o fim das atividades.

Por fim, a montadora teve que informar se irá aplicar alguma alteração na política de preços ou condições de compra para veículos comercializados recentemente e que ainda não foram entregues.

Os canais de atendimento ao consumidor também precisam ser comunicados ao Procon-SP.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.