Guedes garante retomada da economia com vacinação em massa; isso é possível?

Paulo Guedes, ministro da Economia, afirmou nesta segunda, 25, que a vacinação em massa contra a Covid-19 é necessária para que a recuperação da economia possa acontecer em 2021.

Guedes garante retomada da economia com vacinação em massa; isso é possível?
Guedes garante retomada da economia com vacinação em massa; isso é possível? (Imagem: Adriano Machado)

Ele disse que a vacina é uma forma de retorno seguro ao trabalho.

“A volta segura ao trabalho é importante, e a vacinação em massa é decisiva. A vacinação em massa é um fator crítico de sucesso para o bom desempenho da economia logo à frente”, afirmou Guedes, em uma entrevista à imprensa.

Até o momento, o governo distribuiu 2 milhões de doses da vacina produzida pelo laboratório Astrazeneca juntamente com a universidade de Oxford que vieram da Índia. Essa vacina também será produzida pela Fiocruz no Brasil.

Estão sendo aplicadas também cerca de 10 milhões de doses da vacina produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Butantan.

Guedes considera que saúde e economia “caminham juntas”, e por conta disso a vacinação em massa garante a volta segura ao trabalho. Além do retorno da votação de propostas econômicas pelo Congresso são importantes para destravar a economia.

“Limpar a pauta logo na volta no Congresso, destravar o horizonte de investimentos, transformar esse empurrão na economia à base do consumo numa retomada sustentável de crescimento pela reformulação dos marcos regulatórios é crítico. A nossa agenda é clara. Nós temos que acelerar as privatizações, reduzir as alíquotas de impostos”, explicou o ministro.

Guedes foi na contramão do discurso adotado por parte do governo em meio a pandemia, que incentivava que a população voltasse a “normalidade” mesmo com o crescimento no número de casos e mortes decorrentes Covid-19. Ele pediu para que as pessoas se cuidem.

O ministro aproveitou a ocasião para pedir a aprovação de projetos e reformas pelo Congresso, após o retorno ao trabalho dos parlamentares na semana que vem.

“Sempre houve essa perspectiva que a saúde e a economia andam juntas e nós precisamos enfrentar esses dois desafios simultaneamente”, disse.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.