INSS mantém fechamento de 31,2% das agências e trava fila da perícia médica

Cerca de 31,2% das agências da Previdência Social (APS) vão continuar com as portas fechadas, isso após quatro meses do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) anunciar a reabertura. A medida atrasa a fila da perícia médica que é exigida para a concessão de alguns benefícios pagos pelo Instituto.

INSS mantém fechamento de 31,2% das agências e trava fila da perícia médica
INSS mantém fechamento de 31,2% das agências e trava fila da perícia médica (Imagem: Sérgio Lima/Poder 360)

Atualmente, do total de 1.560 agências do país, 1.073 estão funcionando. Em nota, o INSS explicou que essas agências estão sendo adequadas para que possam ser reabertas e receber os segurados.

Dois estados estão com a taxa de agências fechadas que ultrapassa a metade. No Amapá, quatro das seis, ou seja, 66,6% não estão abertas. E no Maranhão, 28 das 52, ou seja, 53,8% estão passando pelo processo de adequação.

Boa parte das agências estão fechadas, em Alagoas são 48,8%, Goiás 47,4%, Amazonas 46,4% e no Pará 41,3%.

O Distrito Federal apresenta a menor taxa de unidades fechadas com apenas 14%, a capital possui apenas sete agências e somente uma está fechada para adequação.

Os estados do Piauí, Rondônia e Roraima terão todas as suas agências abertas, eles possuem 31,18 e 4 agências, respectivamente.

Apesar disso, esses estados são os que apresentam maior crescimento no número de mortes por conta do novo coronavírus.

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps), tiveram acesso a números que  indicam que ao menos 643 servidores do INSS foram infectados pelo novo coronavírus.

De acordo com Moacir Lopes, da Fenasps, esse número pode ser maior ainda.

“O número pode ser maior ainda. No período tivemos muitos afastamentos por doença profissional como LER [Lesões por Esforços Repetitivos] ou DORT [Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho]”, disse.

O INSS voltou com o atendimento presencial no dia 14 de setembro de 2020. Porém, houve um impasse entre o órgão e os médicos peritos, que estavam se recusando a retornar ao trabalho presencial por conta da falta de medidas adotadas pelo governo para combater a economia.

O instituto só realiza atendimento mediante agendamento prévio, que pode ser realizado pelo aplicativo, ou site Meu INSS, e pelo telefone 135.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.