Cedae promete diminuir conta de água para moradores do Minha Casa Minha Vida no RJ

Segurados do Minha Casa Minha Vida (MCMV), no Rio de Janeiro, ganham descontos nas contas de água. Na última semana, a Prefeitura de Maricá, em parceria com a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), informou que irá reduzir as cobranças de água para os moradores do residencial Carlos Marighella.

Cedae promete diminuir conta de água para moradores do Minha Casa Minha Vida no RJ (Imagem: Google)
Cedae promete diminuir conta de água para moradores do Minha Casa Minha Vida no RJ (Imagem: Google)

Uma das ações garantidas pelo Minha Casa Minha Vida é a inclusão social da população de baixa renda. Por meio de políticas públicas de habitação, o programa além de conceder os imóveis com um custo mais barato, tende a liberar isenções em taxas como água e luz.

No Rio de Janeiro, quem mora no residencial Carlos Marighella, condomínio construído pelo MCMV, acaba de ser informado que serão inclusos na tarifa social de abastecimento de água. A ação almeja reduzir o valor das contas mensais, de modo que os moradores consigam remanejar as finanças.

Reajustes de contas pelo MCMV no RJ

A proposta já aprovada determinou o valor de R$ 18,45 mensal, para que a população consuma até 21,2 metros cúbicos, o equivalente a mais de 20 mil litros para cada família. Sendo esse consumo maior que o limite acima, serão cobradas taxas pelos excedentes.

A ação deverá, a partir do dia 25, ser válida também para quem mora no Residencial Carlos Alberto Soares de Freitas, em Inoã, o que significará a inclusão de mais 3 mil famílias na tarifa social.

Segundo o assessor comercial e de regulação da Companhia de Saneamento de Maricá (Sanemar), Gilberto Palmares, o programa objetiva ser mais justo com a população, gerando assim uma maior economia no orçamento destas famílias.

“Por se tratarem de pessoas de baixa renda, cremos que a economia será grande para todos e também vai igualar o consumo, evitando possíveis desperdícios. Quando soubemos que era possível, resolvemos utilizar prontamente”, avaliou Palmares.

Já Anderson Barreto, chefe do Departamento Comercial da Cedae, explica que a ação é mais um fruto da parceria feita pela empresa com o governo municipal, podendo ser novamente expandida em breve. “No caso desta, sabemos que haverá um impacto maior na renda dos moradores desses condomínios. Será um benefício importante”, avaliou.

Os descontos deverão ser aplicados já a partir do mês de fevereiro. Para mais informações sobre, fique de olho em nosso portal.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.