2ª via do IPTU 2021: Passo a passo COMPLETO para emitir e pagar boleto

Em muitas cidades pelo Brasil, as prefeituras decidiram não enviar mais os boletos do IPTU 2021. Por isso, os contribuintes estão tendo que acessar a internet para imprimir a segunda via da guia e efetuar o pagamento. Aprenda aqui como fazer.

2ª via do IPTU 2021: Passo a passo COMPLETO para emitir e pagar boleto
2ª via do IPTU 2021: Passo a passo COMPLETO para emitir e pagar boleto (Imagem: Reprodução/Google)

Passo a passo para emitir a segunda via do IPTU 2021

  • Para começar, acesse o site oficial da prefeitura da cidade que reside 
  • Ao entrar na página, clique na opção “emissão desejada”
  • Insira a inscrição imobiliária
  • Digite o ano desejado 
  • Informe o código de segurança que o site vai gerar automaticamente 
  • Clique em consultar

Após esse processo, será aberta uma nova página e nela é preciso inserir o número do contribuinte, a parcela que deseja, o Exercício (Ano), o código apresentado na imagem e por fim, clicar em “Gerar 2ª via”.

Agora é só salvar o documento, imprimí-lo e efetuar o pagamento.

IPTU 2021 São Paulo

O valor do IPTU em São Paulo não sofreu reajuste em 2021. A decisão veio após uma solicitação da Secretaria Municipal de Fazenda que fez com que o relatório final do projeto de lei do Orçamento 2021 da cidade de São Paulo suspendesse o reajuste.

Com o aumento descartado, os boletos do IPTU serão enviados para os paulistanos com o mesmo valor deste ano.

De acordo com o redator do projeto de lei, o vereador Atílio Francisco (Republicanos), esta suspensão no reajuste do IPTU não vai afetar as receitas esperadas para 2021.

O relatório final do PL subiu o orçamento total em relação à proposta apresentada pelo governo em setembro, de R$ 67,5 bilhões para R$ 67,9 bilhões.

Dois motivos levaram a este aumento do orçamento. O primeiro deles é a previsão de inadimplência do IPTU para 2021 reduzida pela gestão de Bruno Covas (PSDB), que efetuou a projeção baseada na diminuição no total de pagamentos em atraso no segundo semestre deste ano.

Já o segundo motivo é que a aprovação da reforma administrativa no mês de outubro pelo governo do Estado vai impactar positivamente a avaliação da Prefeitura, nos repasses vindos do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.