Detran-MG suspende emissão de documentos para veículos novos e alteração de dados

Motoristas de Minas Gerais devem ficar atentos as alterações nos serviços de trânsito. Nessa semana, a Polícia Civil local (PCMG) informou que o Departamento de Trânsito do estado (Detran-MG) adiou o prazo de suspensão da emissão de documentos na compra de um veículo. O procedimento é obrigatório e deverá ser digitalizado.

Detran-MG suspende emissão de documentos para veículos novos e alteração de dados (Imagem: Reprodução/Google)
Detran-MG suspende emissão de documentos para veículos novos e alteração de dados (Imagem: Reprodução/Google)

Quando um motorista compra um carro novo ele precisa regularizar a documentação que comprove sua propriedade. Intitulado de Certificado de Registro de Veículo (CRV-e) o registro vinha sendo feito de forma impressa.

Já para quem adquiri um veículo usado, o papel obrigatório é o de Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo eletrônica (ATPV-e).  Inicialmente este também vinha sendo elaborado em papel moeda, mas agora irá migrar para o digital.

Novos prazos de emissão digital

Diante da transição do analógico para o virtual, o Detran de Minas Gerais optou por aumentar o prazo de suspensão da obrigatoriedade desses documentos. Inicialmente os motoristas teriam até essa terça-feira (05) para circular sem a correção. Porém o prazo foi prolongado até esta sexta-feira (08).

A justificativa utilizada pelo órgão foi de que a adaptação para o modelo eletrônico ainda vem sendo finalizada. A ideia é que o processo de compra e venda dos automóveis passe a ser mais simples e não obrigue os cidadãos a irem até as agências de trânsito para cumprir burocracias.

“Durante o período de suspensão dos serviços, o sistema de informática do Detran-MG passará por adequações para gerenciamento das informações da frota de veículos do estado, impossibilitando, temporariamente, a conclusão dos processos e emissão do novo CRV-e. As vistorias continuam ocorrendo normalmente para aqueles proprietários de veículos que realizaram agendamento prévio”, informou a assessoria do Detran MG.

Isso significa dizer que a população terá até essa sexta para transitar sem tais registros. No entanto, com a finalização da digitalização por parte do Detran a emissão será obrigatória e deverá ser feita por meio do app da Carteira de Habilitação Digital (CNH Digital).

O adiamento do prazo, segundo os informes concedidos pela PCMG, será válido não só na capital Belo Horizonte (BH), como também nos municípios do interior.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.