IPVA PR 2021: Calendário com TODAS as datas de pagamento foi divulgado

O calendário de pagamentos do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos) 2021 do Paraná foi divulgado pela Sefa (Secretaria Estadual da Fazenda). A data de vencimento da cota única ou da primeira parcela será em 18 de janeiro.

IPVA PR 2021: Calendário com TODAS as datas de pagamento foi divulgado (Imagem FDR)

O calendário de pagamentos foi organizado de acordo com o número final das placas dos veículos. Quem optar pelo pagamento em cota única terá um desconto de 3%, mas o parcelamento também estará disponível.

Por conta dos impactos financeiros causados pela pandemia do coronavírus, a Sefa comunicou que o IPVA poderá ser parcelado em até cinco vezes, diferente dos anos anteriores em que só era possível dividir em três vezes.

Calendário IPVA 2021 Paraná

  • Pagamento à vista (com desconto de 3%)
Final da placa Prazo de pagamento
1 e 2 18/01
3 e 4 19/01
4 e 6 20/01
7 e 8 21/01
9 e 0 22/01
  • Pagamento parcelado
Final da placa 1ª parcela 2ª parcela 3ª parcela 4ª parcela 5ª parcela
1 e 2 18/01 18/02 18/03 19/04 18/05
3 e 4 19/01 19/02 19/03 20/04 19/05
5 e 6 20/01 22/02 22/03 22/04 20/05
7 e 8 21/01 23/02 23/03 23/04 21/05
9 e 0 22/01 24/02 24/03 26/04 24/05

Guias de pagamento pela internet

Os boletos de pagamento não serão enviados para a casa dos motoristas. É necessário entrar no site da Sefa para imprimir a guia de pagamento a partir do dia 1º de janeiro. Este será o segundo ano em que os motoristas não recebem mais em suas casas os boletos do IPVA.

Ao entrar no site, vá na opção “Consultar Débitos do IPVA” no menu Serviços. Será necessário ter o número do Renavam em mãos. Este número é encontrado no CRLV (Certificado e Licenciamento de Veículos).

O governo do estado informa também que é possível pagar o imposto também diretamente nos caixas ou canais de atendimento no Banco do Brasil, Itaú, Santander, Bradesco, Sicredi, Banco Rendimento e Bancoop.

Finalidade do IPVA

20% do valor arrecadado pelo IPVA é remetido para o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) e o restante é dividido em 50% para o estado, e a outra parte fica para o município de registro do veículo.

A quota-parte estadual compõe o orçamento do ano e, sendo assim, é direcionada para as várias áreas de atuação do estado, como a saúde, educação, segurança pública e infraestrutura.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA