INSS envia carta de notificação para pensionistas revisarem documentos

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está enviando notificações por carta, para cerca de 1,7 milhão de segurados que tiveram o seus benefício revisado e que precisarão fazer uma atualização dos seus documentos. 

INSS envia carta de notificação para pensionistas revisarem documentos
INSS envia carta de notificação para pensionistas revisarem documentos (Foto: Google)

Aqueles que não responderem em até 60 dias depois de receber a carta terão os pagamentos suspensos. Caso passe mais de 30 dias da suspensão o benefício deixa de ser pago em definitivo.

O que é a revisão?

O INSS passou a emitir desde o mês de setembro cartas de convocações que são chamadas de “comunicado de exigência”, para os beneficiários com algum tipo de dado cadastral sem consistência.

De acordo com o órgão, a revisão é por conta de pendências cadastrais, “não adentrando, neste momento, das regras de direito que geraram o benefício”.

Quem está sendo convocado?

O Instituto informou que estão sendo revisadas todas as espécies de benefício. De acordo com a advogada Adriane Bramante, presidente do IBDP (Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário), essas convocações começaram com os pensionistas, porém devem atingir aposentadorias também.

O que devo fazer se receber a carta?

O INSS informa na carta que os segurados devem enviar pelo site ou aplicativo MEU INSS uma cópia digitalizada dos seguintes documentos:

  • CPF 
  • RG 
  • Certidão de nascimento ou casamento 
  • Título de eleitor 
  • Carteira de trabalho 

Em pensão por morte, devem ser apresentados esses mesmos documentos do segurado que morreu e dos dependentes do benefício, assim como a certidão de óbito.

Como anexar os documentos?

Entre no site Meu INSS ou aplicativo. Caso seja o primeiro acesso, será preciso cadastrar uma senha. 

Na página inicial, clique na lupa e procure por “atualização de dados cadastrais do benefício”. 

O INSS vai informar que os dados devem ser atualizados. Clique em “atualizar” e confira as informações. Ao terminar, clique em “Avançar”. 

Logo depois , é possível anexar os documentos. Eles podem ser fotografados com o celular.

Além disso, será necessário responder a algumas questões, como qual o número do benefício, se deseja cadastrar um procurador, se precisa alterar seu nome. E ainda, nome da mãe, data de nascimento, sexo ou número do RG e CPF, e se deseja alterar outro documento.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.