Salário do Bolsa Família: Quem tem direito? Saiba como receber o benefício

Mesmo sob risco de cancelamento, programa Bolsa Família permanece recebendo solicitações de acesso. Se você está entre o grupo de brasileiros em situação de pobreza ou extrema pobreza, saiba que ainda é possível se vincular ao programa para receber seus benefícios. A convocação leva em consideração uma série de critérios de renda

Salário do Bolsa Família: Quem tem direito? Saiba como receber o benefício (Imagem: Google)
Salário do Bolsa Família: Quem tem direito? Saiba como receber o benefício (Imagem: Google)

 Para poder se cadastrar no Bolsa Família a primeira coisa que deve ser feita é definir e comprovar a faixa de renda que se enquadra.

Atualmente o programa conta com duas linhas de atuação, sendo a primeira destinada para pessoas que possuem uma renda mensal de R$ 89 e a segunda para famílias com salários de até R$ 178.  

Outro ponto importante é que no caso do segundo grupo, a família deve ainda ter crianças ou adolescentes entre 0 a 17 anos. Os pequenos, caso aceitos no projeto, precisam estar matriculados em uma instituição de ensino pública e possuir uma frequência escolar superior a 75%.  

Além disso, o BF exige ainda que mulheres gravidas façam o acompanhamento pré natal completo através do SUS. Já no caso das crianças, a carteira de vacina deve ser atualizada conforme as determinações do Ministério da Saúde 

Como se cadastrar? 

Para poder se candidatar a uma vaga no Bolsa Família a primeira coisa a se fazer é gerar um registro no Cadastro Único. O sistema funciona como um banco de dados do governo federal, onde ficam registradas todas as informações para manutenção de projetos sociais.

O registro do CadÚnico acontece em um dos Centros de Referência de Assistência Social. Lá, o cidadão deverá apresentar a documentação necessária e comprovar que está enquadrado nos critérios citados acima.  

Somente depois da avaliação completa é que o cidadão deverá saber se teve sua solicitação aprovada ou não. Normalmente o retorno deve ser feito em até 30 dias, mas mediante a situação do novo coronavírus ele pode ser atrasado. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.