LANÇADA! Nota de R$200 entra em circulação no mercado; conheça cor, modelo e estampa

PONTOS CHAVES

  • Banco Central libera nova nota de R$ 200
  • Cédula já está em circulação em todo o país
  • Criação vira alvo de críticas mediante alterações na inflação

Brasileiros agora contam com nova cédula em circulação. Nessa quarta-feira (02), o Banco Central disponibilizou a nota de R$200. De acordo com a instituição, para este ano, serão emitidas 450 milhões de unidades que deverão circular junto com as demais seis já em uso no país. A emissão foi motivada pela crise do novo coronavírus e ainda sendo criticada pela sociedade. Conheça.  

LANÇADA! Nota de R$200 entra em circulação no mercado; conheça cor, modelo e estampa (Imagem: Google)
LANÇADA! Nota de R$200 entra em circulação no mercado; conheça cor, modelo e estampa (Imagem: Google)

A nova nota de R$200 já está na mão daqueles que fizeram saque nas últimas 24h. Segundo o Banco Central, a decisão de criar um novo valor financeiro em espécie teve como finalidade diminuir as transações feitas com dinheiro vivo, dessa forma seria economizado com a impressão de papel moeda.  

Uma das ações que motivaram o BC e desenvolver a cédula com o valor maior foi o pagamento do auxílio emergencial e saque emergencial do FGTS. Mediante o alto volume de circulação de notas, a instituição afirmou que estava faltando cédulas em caixa e que não dava tempo de a quantia liberada girar e voltar para os bancos.  

Dessa forma, a impressão de papel precisaria ser ampliada. No entanto, defendeu-se que ainda assim não seria o suficiente para a alta demanda atual. Por isso, para reduzir as despesas da emissão do papel o BC criou a nota de R$ 200.  

“As casas impressoras de dinheiro foram desafiadas a produzir um maior volume em uma menor quantidade de tempo. É desafiador, porque há limitações fabris, de insumo e de produção das máquinas” explicou a Diretora de Administração do Banco Central, Carolina de Assis Barros.  

É válido ressaltar que há 18 anos não se criava uma nova nota. A última modificação feita pelo BC foi a remodelação em 2010.  

Conheça as características das notas nacionais:  

R$ 200,00 

  • Entrou em circulação em 2 de setembro de 2020 
  • Já chega fazendo parte da 2ª Família do Real 
  • Animal: Lobo-guará 
  • Cores: Cinza e sépia 

R$ 100,00 

  • Entrou em circulação em 1º de julho de 1994 
  • Ganhou nova geração em 13 de dezembro de 2010 (2ª Família do Real) 
  • Representa 21% das cédulas em circulação 
  • Animal: Garoupa 
  • Cores: Azul e cinza 

R$ 50,00 

  • Entrou em circulação em 1º de julho de 1994 
  • Ganhou nova geração em 13 de dezembro de 2010 (2ª Família do Real) 
  • Representa 32% das cédulas em circulação 
  • Animal: Onça-pintada 
  • Cores: Marrom e laranja 

R$ 20,00 

  • Entrou em circulação em 27 de junho de 2002 
  • Ganhou nova geração em 23 de julho de 2012 (2ª Família do Real) 
  • Representa 12% das cédulas em circulação 
  • Animal: Mico-leão-dourado 
  • Cores: Amarelo e laranja 

R$ 10,00 

  • Entrou em circulação em 1º de julho de 1994 
  • Ganhou nova geração em 23 de julho de 2012 (2ª Família do Real) 
  • Representa 9% das cédulas em circulação 
  • Animal: Arara 
  • Cores: Carmin e marrom 
LANÇADA! Nota de R$200 entra em circulação no mercado; conheça cor, modelo e estampa (Imagem: Google)
LANÇADA! Nota de R$200 entra em circulação no mercado; conheça cor, modelo e estampa (Imagem: Google)

R$ 5,00 

  • Entrou em circulação em 1º de julho de 1994 
  • Ganhou nova geração em 29 de julho de 2013 (2ª Família do Real) 
  • Representa 8% das cédulas em circulação 
  • Animal: Garça 
  • Cores: Violeta e azul 

R$ 2,00 

  • Entrou em circulação em 13 de dezembro de 2001 
  • Ganhou nova geração em 29 de julho de 2013 (2ª Família do Real) 
  • Representa 18% das cédulas em circulação 
  • Animal: Tartaruga marinha 
  • Cores: Azul e cinza 

Crítica a nota de R$ 200  

Desde que anunciou o lançamento da cédula, o Banco Central vem sendo fortemente criticado. Muitos jornalistas e demais representantes da sociedade civil afirmam que a emissão deverá dimensionar a inflação.  

“A inflação está muito baixa, isso significa que o preço das compras nos estabelecimentos comerciais não está se elevando, então isso deve fazer com que o troco de fato seja um pouco dificultado”, disse o economista Fábio Terra ao podcast de Educação Financeira do G1. 

Entretanto, contra argumentando, o BC garantiu que o índice inflacionário nacional está equilibrado e não deverá ultrapassar a média prevista para esse ano.  

Outra crítica foi sobre a possibilidade de facilitação na lavagem de dinheiro. Muitos internautas cobraram do banco uma resposta sobre a real necessidade da criação da nova cédula, alegando que com um valor mais alto seria mais fácil esconder possíveis desvios na administração pública.  

Quanto a isso, o BC não se pronunciou. É importante ressaltar que o mesmo precisou justificar a nova cédula para os órgãos jurídicos do país.  

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.