Bolsa Família: Final do NIS 5 ao 0 recebem R$600 essa semana

Os beneficiários do Bolsa Família estão recebendo, desde 18 de agosto, a quinta e última parcela do auxílio emergencial do governo federal. Para essa semana estão agendados os pagamentos para as famílias com o final do Número de Identificação Social (NIS) de 5 a 0

Bolsa Família: Final do NIS 6 ao 0 recebem R$600 essa semana
Bolsa Família: Final do NIS 6 ao 0 recebem R$600 essa semana (Imagem: Montagem FDR)

Para organizar o calendário de pagamentos do auxílio, o governo utilizou a numeração de registro do NIS. Com isso, cada pagamento segue uma ordem programada e são pagas sempre nos últimos dez dias úteis do mês. 

Nesse sentido, nesta segunda-feira (24) recebem a ajuda os beneficiários com o NIS final 5, na terça os que têm o final 6 e assim por diante. Caso o auxílio emergencial não seja estendido, os últimos pagamentos serão em 31 de agosto. 

Calendário quinta parcela para Bolsa Família

24 de agosto Beneficiários com NIS de final 5
25 de agosto Beneficiários com NIS de final 6
26 de agosto Beneficiários com NIS de final 7
27 de agosto Beneficiários com NIS de final 8
28 de agosto Beneficiários com NIS de final 9
31 de agosto Beneficiários com NIS de final 0

Fonte: Caixa

Auxílio emergencial por mais tempo

O Governo Federal estuda a possibilidade de ampliar o período de pagamento do auxílio emergencial. O novo valor da ajuda, no entanto, deve ficar entre R$ 250 e R$ 400

As equipes do governo avaliam os possíveis danos a popularidade do presidente Jair Bolsonaro. Em caso do benefício chegar ao fim e não haver uma medida alternativa para a população. 

Em uma transmissão no Facebook no início de agosto, Bolsonaro afirmou que o valor atual do auxílio custa mais de R$ 50 bilhões mensais aos cofres públicos. 

Na última quarta-feira (19), o chefe do Executivo voltou a declarar que o valor de R$ 600 é insustentável. 

“Os R$ 600 pesa muito para a União. Isso não é dinheiro do povo porque não está guardado, é endividamento e se o país endivida demais, acaba perdendo a credibilidade para o futuro”, declarou Bolsonaro. 

Por outro lado, para substituição desse pagamento temporário, o governo estuda também a criação do Renda Brasil. O novo programa vai substituir o Bolsa Família e outros salários de assistência social. Contudo, não vai incluir todos os inscritos no auxílio emergencial.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.