Pronampe: Veja como solicitar empréstimo para sua empresa

Desde o mês de junho, o governo disponibilizou cerca de R$15,9 bilhões em recursos para garantir os empréstimo tomados pelos pequenos e médios negócios no Pronampe.

Pronampe: Veja como solicitar empréstimo para sua empresa
Pronampe: Veja como solicitar empréstimo para sua empresa (Foto:Google)

No início, apenas os bancos do governo ofereciam essa linha de crédito, sendo assim só era possível solicitar pela Caixa e Banco do Brasil.

Porém, depois os bancos privados como Itaú Unibanco, Bradesco e Santander foram autorizados a oferecer a linha de crédito.

Apesar disso, o Bradesco e Santander ainda não iniciaram o oferecimento do crédito, e o limite de empréstimos da Caixa, Banco do Brasil e Itaú já esgotaram.

Como funciona o Pronampe

O Pronampe oferece linha de crédito para as micro e pequenas empresas que possuem um receita anual de R$ 360 mil a R$ 4,8 milhões.

De acordo com a estimativa feita pela Receita Federal, ao todo no Brasil são 4,58 milhões de micro e pequenas empresas elegíveis para contratar o empréstimo.

O crédito é limitado a 30% da receita bruta anual, tomando como referência 2019. Para as empresas que funcionam há menos de um ano pode ser utilizado a média de faturamento mensal ou 50% do capital, o que seja mais favorável para o empreendedor.

Como contratar?

Na Caixa, para fazer a contratação do financiamento é necessário acessar o site do banco.

Depois é preciso preencher o formulário de interesse ao crédito e um gerente da região entrará em contato por telefone para ofertar o pacote de soluções financeiras do banco.

Se preferir, os clientes também podem fazer a solicitação diretamente nas agências da Caixa, mas é recomendado evitar aglomerações.

No Itaú, a contratação é feita exclusivamente pelo aplicativo do Itaú Empresas no celular. No Banco do Brasil, a contratação é feita nas agências do banco.

O Programa tem garantia de 100% para às instituições financeiras por meio do Fundo Garantidor de Operações (FGO), com recursos do Tesouro, e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

As linhas de crédito do programa têm taxa de juros anual igual à Selic, mais cerca de 1,25 ponto percentual ao ano.

Hoje, a Selic está em 2,25% ao ano, sendo assim, a taxa máxima anual seria de 3,5%. O prazo do financiamento é de 36 meses.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.