Em nova declaração, Caixa é otimista sobre liberação do auxílio de R$600

A Caixa Econômica esta confiante que os problemas relacionados ao pagamento do auxílio emergencial do governo estão sendo resolvidos. O banco informou que já acontece uma grande redução nas filas das agências da Caixa em todo o Brasil. Segundo informações o banco, algumas destas unidades já estão sem filas antes da abertura às 8h da manhã.

Em nova declaração, Caixa é otimista sobre liberação do auxílio de R$600
Em nova declaração, Caixa é otimista sobre liberação do auxílio de R$600 (Foto: Google)

Novamente a Caixa reafirmou que não é necessário madrugar em filas. Todos que chegarem durante o horário de funcionamento que atualmente é das 8h às 14h serão atendidos, pois mesmo com o fechamento marcado para este horário, o banco segue atendendo até o último cliente.

Algumas medidas foram adotadas para que ocorressem a diminuição das filas, como a parceria da Caixa com as prefeituras de mais de 500 cidades que auxiliaram com a sinalização e organização de filas, e também a instalação de impressoras que ajudam a realizar uma triagem do lado de fora das agências.

A Caixa segue informando que está redobrando o atendimento e conta com mais de 3 mil funcionários, além de alocar uma média de 4.800 vigilantes e 900 recepcionistas para trabalharem na organização das fias e prestar orientação ao público.

Além de tudo isso, as pessoas também podem contar com cinco caminhões-agência itinerantes que vão atender em lugares com mais demanda.

Este atendimento extra vai ser feito de acordo com um calendário: em Alfredo Chaves, no Espírito Santo, o caminhão fica até dia 8/5; Nova Xavantina, em Mato Grosso, de hoje (7) até o dia 16; São Felix do Xingu, no Pará, também de hoje até o dia 15; Buriticupu, no Maranhão, de 12 a 15 deste mês; e Viseu, no Pará, de 14 a 29.

Números do auxílio emergencial na Caixa impressionam

O auxílio emergencial começou a ser pago no último dia 9 de abril e desde então, 50 milhões de pessoas já receberam a ajuda. Isto representa cerca de R$35 bilhões de reais.

Até ontem (6), 51,1 milhões de pessoas fizeram o cadastro para receber o auxílio e o site criado para este pedido já conta com mais de 596 milhões de acessos. O aplicativo Caixa Tem, criado para os beneficiários que não possuíam conta, ultrapassou 82 milhões de downloads.

Quem precisar de mais informações sobre o auxílio pode obtê-las no site do auxílio, ou pelo telefone 111.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.