Aprenda a pedir seguro desemprego após demissão motivada pela crise

Em meio a pandemia do novo coronavírus, as solicitações e procedimentos virtuais cresceram e se tornaram necessário. Para evitar a ida às ruas, profissionais devem ficar atentos. Entre as ações que podem ser realizadas, está o pedido de seguro-desemprego.

Aprenda a pedir seguro desemprego após demissão motivada pela crise (Montagem/FDR)
Aprenda a pedir seguro desemprego após demissão motivada pela crise (Montagem/FDR)

Com a crise no país, as companhias estão reduzindo o quadro de funcionários para atender e tentar se manter estáveis no mercado. O número diminuindo, cresce os de que procuram o recebimento do seguro-desemprego.

Leia Também: Seguro Desemprego 2020: O GUIA completo para solicitar com facilidade

Desta forma, Governo federal tem, desde 2018, ferramenta completamente digital que possibilita fazer a solicitação do seguro-desemprego online. A partir de então, os trabalhadores que foram demitidos sem justa causa podem dar entrada no benefício sem sair de casa.

Para obter acesso ao sistema é necessário que o interessado tenha em mãos o número do requerimento do seguro. Este dado está presente no documento entregue pelo empregador na hora do desligamento da empresa. Ou em algumas situações especiais, o Governo Federal é o responsável por informar o número.

O procedimento deve ser realizado de 7 a 120 dias após a demissão. Depois do cadastro realizado na plataforma, o repasse será feito pela Caixa. O banco já informou que está trabalhando com operação reduzida, mas esse tipo de atendimento está garantido para quem não tiver cartão cidadão ou conta na instituição.

Já nos casos em que a empresa suspende os contratos, este procedimento é todo realizado entre empresa e governo, sem a necessidade de intervenção do trabalhador. Quem precisar tirar dúvidas, ainda pode usar o telefone 158 (Alô Trabalho). A ligação é gratuita de telefone fixo de todo o país.

Solicitando seguro desemprego pela internet

Vale destacar que o procedimento só pode ser realizado online desde que não haja inconsistência. A ferramenta atua como uma análise de dados do solicitante e informa, na hora, se o benefício pode ser concedido automaticamente ou não.

É possível realizar de duas formas, sendo através de no site do Gov.br ou através do app “Carteira de Trabalho Digital” – disponível para download em aparelhos que usam os sistemas operacionais Android e iOS.

Leia Também: Atenção! Finaliza hoje prazo para quitar IPTU Maceió com desconto de 30%

Já no caso do site, todo procedimento também pode ser feito através do Portal Emprega Brasil. Nele, é necessário que o interessado realize o cadastro e informe documentação necessária. O passo a passo é comum para as duas aplicações; confira:

Cadastro – Clicando em “Quero me cadastrar”

Nesta fase é importante que o profissional detalhe as documentações pessoais básicas como CPF, nome completo, e-mail e telefone. Ainda é necessário responder a algumas perguntas sobre a vida laboral e previdenciária.

Solicitação – Clicando em “Solicitar Seguro-Desemprego”

Para isto, é necessário ter em mãos o requerimento, como número. Logo após informar os dados, basta seguir os oito passos apresentados na tela, confirmar a solicitação e obter um comprovante ao final do processo.

Validação da solicitação

Depois desta etapa o interessado terá a resposta se o benefício foi concedido ou não. Caso sim, depósito do valor é realizado a partir de 30 dias contados após liberação do sistema.

A quantidade de parcelas varia de três a cinco meses, com valor e quantidade mudando conforme o histórico do trabalhador.

Já, se o sistema acusar alguma necessidade de validar a documentação, o cidadão deve agendar entrar em contato com o Ministério do Emprego, sob o número já citado a cima.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA