Veja se tem direito ao PIS/PASEP 2020 com novo calendário

Novo calendário de pagamento do PIS/PASEP 2020 é divulgado. Nessa sexta-feira (3), o governo federal anunciou as datas de liberação do abono salarial que terá como ano base 2019. Os valores começarão a ser ofertados a partir do dia 16 de julho e terá direito aqueles que, nos últimos 12 meses, trabalharam de carteira assinada.

Veja se tem direito ao PIS/PASEP de 2020 com novo calendário
Veja se tem direito ao PIS/PASEP de 2020 com novo calendário (Imagem: Reprodução/ FDR)

O comunicado foi feito por meio de uma publicação no Diário Oficial da União. De acordo com o cronograma, recebem o PIS primeiro aqueles que nasceram no mês de julho. Na sequência, a quantia será liberada para os aniversariantes de agosto, setembro, outubro e assim sucessivamente.

Leia também: Pagamento do PIS/PASEP 2020 vai ser adiantado para o 1° semestre! Confira a data

No caso do PASEP, a ordem indica a liberação para inscrição final 0 em julho, e progressivamente até o próximo ano.

O prazo final para o recebimento nos dois casos é até junho de 2021. Após esse período, os beneficiários que não retirarem a quantia terão os valores retidos e só poderão liberar sob a apresentação de uma ordem judicial.

Organização do pagamento

Para quem é trabalhador da iniciativa privada, a ordem dos depósitos será definida de acordo com a data de nascimento, como mencionado acima.

No entanto, para os servidores públicos, o pagamento acontecerá por meio do número final da inscrição do Pasep. O dígito pode ser conferido no cartão do programa, que deve ser apresentado na hora da retirada.

Quem for beneficiário do PIS terá que ir até uma unidade da Caixa Econômica Federal para retirar o auxílio. Já os cadastrados no Pasep devem comparecer até uma agência do Banco do Brasil. Em ambos os casos solicita-se a apresentação do cartão cidadão e documento oficial com foto.

Leia também: VETADO! BPC de R$600 para quem aguarda na fila é anulado

Qual o valor do PIS/PASEP 2020 e quem tem direito?

O valor do abono até dezembro deste ano será de R$ 1.045, atual piso nacional. No entanto, a partir de janeiro de 2021 recebe como quantia máxima o valor do piso federal daquele ano.

O abono varia de acordo com o tempo trabalhado pelo servidor. Aqueles que exerceram suas atividades de janeiro a dezembro de 2019 terão direito a parcela total.

Já quem trabalhou por apenas 6 meses, deverá receber R$ 522. O pagamento mínimo é de R$ 88 para aqueles com a carteira assinada por apenas 30 dias.

Em caso de dúvidas, é possível consultar os recebimentos por meio dos aplicativos de ambas as instituições financeiras ou pelas suas centrais de atendimento telefônicas. Os requisitos para receber são:

  • Ter registro em carteiro há no mínimo 5 anos;
  • Ter ganho até 2 salários mínimos em 2019;
  • Ter trabalhado com carteira assinada em 2019 por pelo menos 30 dias;
  • Ter seus dados inscritos na declaração de RAIS da empresa.

Calendário de saques do abono salarial 2020

PIS:

Nascidos em
Data do pagamento
Recebem até
Julho 16 de julho de 2020 30 de junho de 2021
Agosto 18 de agosto de 2020 30 de junho de 2021
Setembro 15 de setembro de 2020 30 de junho de 2021
Outubro 14 de outubro de 2020 30 de junho de 2021
Novembro 17 de novembro de 2020 30 de junho de 2021
Dezembro 15 de dezembro de 2020 30 de junho de 2021
Janeiro e fevereiro 19 de janeiro de 2021 30 de junho de 2021
Março e abril 11 de fevereiro de 2021 30 de junho de 2021
Maio e junho 17 de março de 2021 30 de junho de 2021

 

PASEP:

Final da inscrição

Data do pagamento

Recebem até

0 16 de julho de 2020 30 de junho de 2021
1 18 de agosto de 2020 30 de junho de 2021
2 15 de setembro de 2020 30 de junho de 2021
3 14 de outubro de 2020 30 de junho de 2021
4 17 de novembro de 2020 30 de junho de 2021
5 19 de janeiro de 2021 30 de junho de 2021
6 e 7 11 de fevereiro de 2021 30 de junho de 2021
8 e 9 17 de março de 2021 30 de junho de 2021

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA