Fundo do PIS vai pagar R$4,19 bilhões ainda este ano

Trabalhadores de todo o país que recebem anualmente os benefícios do fundo do PIS e PASEP devem ficar atentos ao pagamento do benefício. Isto porque o calendário será encerrado em breve. Sendo assim, é importante ficar atento as datas.

Fundo do PIS vai pagar R$4,19 bilhões ainda este ano (Reprodução/Internet)
Fundo do PIS vai pagar R$4,19 bilhões ainda este ano (Imagem: Reprodução/Internet)

De acordo com o calendário divulgado para 2019/2020, início dos pagamentos começam nesta quinta-feira (19). Mas, vale destacar que neste mês os recursos são dedicados aos trabalhadores nascidos em maio e junho para o PIS.

Leia Também: PIS/PASEP: saiba quem recebe o benefício na próxima semana

Já no caso do PASEO, que é o abono para servidor público, o calendário é definido pelo dígito final do número de inscrição, e serão contemplados os com finais 8 e 9 em março.

Com a liberação dos pagamentos, a expectativa do governo é de repassar R$4,19 bilhões ainda este ano.

Vale destacar que, mesmo sendo o último lote de recebimento programado, a Caixa Econômica Federal, responsável pelo fundo do PIS, comunicou que já foram pagos desde julho de 2019 até fevereiro desse ano R$ 12,85 bilhões.

Já em relação ao Pasep, no qual é administrado pelo Banco do Brasil, ainda estão disponíveis para saque cerca de 932 mil abonos, totalizando R$ 840 milhões.

Têm direito ao valor pessoas que trabalham com carteira assinada há pelo menos cinco anos. Atuaram em emprego formal por no mínimo 30 dias no ano anterior ao início do calendário. Além de ter recebido até dois salários mínimos por mês.

Para saber se há pagamento do PIS a receber, basta acessar o site da Caixa Econômica Federal. O trabalhador ainda pode baixar gratuitamente o aplicativo Caixa Trabalhador, disponível nas plataformas Android e IOS.

Já no caso PASEP, os beneficiários podem consultar se têm direito ao benefício no site do Banco do Brasil. O crédito para correntistas é feito automaticamente nas contas-correntes.

Leia Também: Novo BPC pode não entrar em vigor com decisão do TCU

O valor repassado é o correspondente ao trabalhado nos meses de 2018, ou seja caso trabalhe três meses, o profissional irá receber o proporcional. Sendo assim, confira a tabela:

  • Um mês: R$ 88
  • Dois meses: R$ 175
  • Três meses: R$ 262
  • Quatro meses: R$ 349
  • Cinco meses: R$ 436
  • Seis meses: R$ 523
  • Sete meses: R$ 610
  • Oito meses: R$ 697
  • Nove meses: R$ 784
  • Dez meses: R$ 871
  • Onze meses: R$ 958
  • Doze meses: R$ 1.045

Os beneficiados do programa têm até o dia até 30 de junho de 2020 referente aos créditos de 2018, para realizar o saque do PIS/Pasep. Para receber o dinheiro, é necessário ter em mãos documentos específicos.

Além disto, é obedecido dois fluxos diferentes, sendo um para o PIS, no qual é realizado na Caixa. Já o Pasep, no Banco do Brasil. Caso o trabalhador não faça o recebimento dentro do calendário, o valor será devolvido ao Fundo de Amparo ao Trabalhador.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA