INSS muda idade mínima para solicitar aposentadoria em 2020

Reforma da previdência segue modificando o acesso a aposentadoria de milhares de brasileiros. Em vigor desde o começo de janeiro, as medidas interferem não só no tempo de contribuição, como também no acúmulo de pontos para poder solicitar o benefício do INSS. Com a validação da proposta, os trabalhadores e trabalhadoras precisarão atuar ainda mais para poder gozar de suas aposentadorias.

INSS muda idade mínima para solicitar aposentadoria em 2020 (Imagem: Reprodução - google)
INSS muda idade mínima para solicitar aposentadoria em 2020 (Imagem: Reprodução – google)

Agora, para solicitar o recurso pela idade mínima, a classe terá que ter em média 61 anos e contribuir com mais seis meses. Isso significa que, para os homens será preciso ter ao menos 35 anos de contribuição mais os seis meses adicionais. Já para as mulheres, é preciso ter 30 anos de contribuição, mais o tempo de acréscimo.

Para a definição do cálculo de aposentadoria, o INSS passará a considerar a soma de idade, mais o tempo de contribuição. Além disso, a tabela de pontos foi aumentada, ficando em 87 para mulheres e 97 para homens.

Leia também: Calendário INSS 2020 finaliza pagamento de fevereiro essa semana

Regras da aposentadoria por idade

Nessa categoria, as modificações foram feitas apenas para o sexo feminino. As mulheres passarão a ter como idade mínima 60 anos e seis meses, tendo que obrigatoriamente ter contribuído por 15 anos. Já para os homens, a idade continuará 65 anos, com 15 anos de contribuição, sem modificações de transição.

Consulta

Quem estiver em dúvidas quanto ao tempo de serviço, direitos e regras, é possível fazer uma simulação por meio do portal do INSS. A ferramenta permite que o usuário contabilize seu suposto tempo de trabalho, levando em consideração o valor de seu salário e idade. O resultado final é uma estimativa do possível pagamento que será liberado quando o mesmo solicitar o recurso.

Leia também: IPTU Rio Branco 2020 oferece 20% de desconto para pagamento único

Entraves nas aposentadorias do INSS

Apesar de dispor da consulta online, é válido ressaltar que o INSS vem passando por uma das maiores crises de sua história e a solicitação de benefícios está travada desde 2019. Ainda não há uma previsão de retorno, fazendo com que milhares de brasileiros fiquem descobertos.

Aqueles que enviaram um pedido de análise e não tiverem a resposta dentro dos 45 dias, permitido por lei, devem procurar por um advogado e podem entrar com recurso contra o instituto para que ele arque não só com a quantia do benefício, como também com os valores referentes ao período de atraso.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA