Valor do Bolsa Família: saiba quanto pode receber neste ano

O calendário de pagamentos do Bolsa Família começou e beneficiará cerca de 13,5 milhões de famílias. Este ano, o programa está passando por uma reformulação que poderá alterar o valor do Bolsa Família de todos os auxílios até então fornecidos. As medidas para o Renda Brasil (novo nome sugerido pelo presidente Jair Bolsonaro) ainda não foram validadas e seguem em debate entre os parlamentares e ministério da cidadania.

Valor do Bolsa Família: saiba quanto pode receber neste ano (Imagem: Reprodução - Google)
Valor do Bolsa Família: saiba quanto pode receber neste ano (Imagem: Reprodução – Google)
publicidade

O pagamento básico do programa, em vigor atualmente, é de R$ 89 mensais para seus cadastrados. Entretanto, a quantia final varia de acordo com os demais benefícios acumulados. As famílias têm direito também a valores de incentivo a educação e saúde.

Leia também: Cortes do Bolsa Família no Maranhão surpreendem e afastam milhares de inscritos

Os novos números sugeridos pelo governo ainda não foram inteiramente apresentados. Por enquanto, sabe-se que há uma ideia de aumentar o valor do Bolsa Família no base para R$ 100 (cadastrados em situação de pobreza) e R$ 200 (em situação de extrema pobreza).

No que diz respeito aos acréscimos referentes aos benefícios escolares e para gestantes, a quantia não foi informada. Segundo Osmar Terra, atual ministro da cidadania, a pasta do programa deverá ser fechada nesse primeiro semestre e divulgada posteriormente.

Saiba o atual valor do Bolsa Família

O benefício fixo, isto é, que está garantido para todos os inscritos independente do número de membros é de R$89.

Benefício Variável:

No benefício variável, os cadastrados recebem R$ 41 por pessoa. O auxílio pode ser acumulado por até 5 dependentes e é destinado para gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes de 0 a 15 anos. Seu valor total é de R$ 205,00.

Benefício Variável Jovem:

Criado para segurar adolescentes entre 16 e 17 anos. Seu valor é de R$ 48,00 por mês e cada família pode acumular até dois benefícios, ou seja, R$ 96,00.

Leia também: Licenciamento RS 2020: aprenda a emitir o boleto de pagamento

Benefício para Superação da Extrema Pobreza:

Nessa modalidade, o pagamento varia de acordo com a situação de renda de cada família. O programa avalia a necessidade dos cadastrados e assim fornece um pagamento capaz de garantir o direito à moradia, saúde, educação e alimentação.

Abono Natalino:

Funciona como uma gratificação para que os cadastrados possuam um fim de ano mais livre. O valor é o mesmo liberado no mês anterior (novembro), somando todos os auxílios acumulados por cada familiar. No entanto, ainda é incerto para este ano de 2020.

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco e formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguagens. No mercado de trabalho, já passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de ter assessorado marcas nacionais como a Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.