Minha Casa Minha Vida: ministro promete solução imediata para essa semana

Mais novidades na crise do Minha Casa Minha Vida. Nessa terça-feira (11), o novo ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, afirmou que irá solucionar a crise do Minha Casa, Minha Vida. Segundo o parlamentar, ele se reunirá com o resto da equipe administrativa para apresentar uma solução até esta quinta-feira (13). O programa está travado desde o fim de 2019, devido à instabilidade no orçamento da União.

Minha Casa Minha Vida: ministro promete solução imediata para essa semana (Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Minha Casa Minha Vida: ministro promete solução imediata para essa semana (Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Marinho assumiu o cargo após o pedido de exoneração do até então ministro, Gustavo Canudo. O motivo de sua saída está diretamente relacionado a crise do MCMV, ocasionada devido a falta de recursos e dificuldades na aplicação do orçamento da União de 2020. O valor previsto foi considerado impositivo, ficando abaixo do necessário.

Leia também: Fim do Minha Casa Minha Vida é discutido por secretário em comunicado oficial

Mediante a este cenário, as obras e liberações dos condomínios habitacionais foram travadas. Os beneficiários das faixas 1 e 2 estão sob ameaça de cancelamento do recurso, mesmo já tendo seus cadastros aprovados pela Caixa Econômica Federal.

Marinho afirmou que deverá criar um cronograma de desembolso de modo que possa fazer o projeto voltar a funcionar. Além disso, debaterá no Congresso uma nova proposta orçamentária.

Tomei posse hoje e espero até essa quinta-feira, nos próximos dois dias, nós termos a oportunidade de conversar tanto com o ministro da economia, Paulo Guedes, o presidente da Caixa Econômica Federal (Pedro Guimarães) e nossos secretários para termos uma posição em relação a essa situação específica”, explicou durante sua cerimônia de posse.

Proposta de restauração do Minha Casa Minha Vida

Já em debate desde 2019, o atual ministro reforçou seu compromisso de criar novas regras de funcionamento para o MCMV. Ele manterá com o plano até então proposto pelo governo federal e aplicará alguns reajustes de modo que possa garantir o funcionamento do projeto.

Leia também: IPTU Blumenau 2020: primeiro vencimento acontece nesta semana

A liberação de vouchers no valor de R$ 60 mil e a liberdade para que os cadastrados passem a escolher os profissionais de suas obras e também se desejarão restaurar ou comprovar um imóvel pronto ainda vem sendo avaliada por Marinho.

Em seu discurso, o parlamentar falou sobre o relacionamento como as empreiteiras, defendendo que há uma necessidade de enxergar o mercado como parceiros, uma vez em que geram emprego e renda.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA