FGTS pode ser pago para desempregados nessas situações; confira!

Os brasileiros que possuem o direito de sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) podem retirar o seu dinheiro do banco em situações específicas. Os desempregados também poderão sacar o seu saldo em algumas situações, confira quais são elas!

FGTS pode ser pago para desempregados nessas situações; confira!
FGTS pode ser pago para desempregados nessas situações; confira! (Imagem:Montagem/FDR)

Os cidadãos que estão há três anos ou mais sem emprego com carteira assinada podem realizar o saque integral do FGTS. A situação é diferente de quando o trabalhador saca o saldo sendo demitido sem justa causa, a modalidade chamada de rescisão.

Leia também: Saque do FGTS: saiba como receber todo o dinheiro do fundo estando desempregado

As contas do FGTS, são geradas a cada emprego diferente em que o trabalhador ingressa. Essas contas de empregos antigos é denominada de conta inativa, já a dos empregos atuais é chamada de ativa.

Quando o trabalhador é demitido sem justa causa, ele pode sacar o valor que está vinculado àquele emprego. Caso haja fundo, de empregos antigos, ou seja, nas contas inativas, esse dinheiro continua preso no fundo. 

Porém, aqueles que estão sem emprego vinculado ao FGTS, por ao menos três anos seguidos poderão sacar os valores das outras contas, ou seja, o trabalhador só pode ter feito bico ou trabalhos informais.

O valor é liberado de acordo com o mês do aniversário do trabalhador e não foi estabelecido um limite máximo que pode ser retirado.

A regra é válida para as contas inativas, ou seja, aquelas em que o contrato de trabaho foi extinto.

Porém, se o funcionário foi demitido sem justa causa, ele poderá realizar o saque apenas das contas ativas, mas das inativas não.

Para sacar, o trabalhador precisa pedir a Caixa Econômica Federal, no mês do seu aniversário, após três anos estando desempregado.

É necessário apresentar documento de identificação, número do PIS/Pasep/NIS e carteira de trabalho para comprovar que está desligado da empresa.

Leia também: IRPF 2020: veja como pagar menos no imposto incluindo essa lista de deduções

O FGTS é um benefício de direito para todos os brasileiros que trabalham ou trabalharam com carteira assinada. A conta do fundo é aberta pela empresa e nela é depositada mensalmente 8% do valor que é recebido pelo trabalhador.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA