INSS 2020: Mudanças no pagamento obrigam beneficiários a ficarem atentos

Os aposentados e pensionistas precisam ficar atentos as mudanças no pagamento do INSS 2020. Acontecimentos como a reforma da previdência e a modificação do piso nacional interferiram no valor dos auxílios ofertados ao longo desse ano.

Pagamento do INSS 2020: o que muda para esse ano?
Pagamento do INSS 2020: o que muda para esse ano?

Com a redefinição do salário mínimo para R$ 1.039 os benefícios do instituto precisarão ser recalculados. A partir deste mês, os pagamentos serão feitos levando em consideração o piso nacional, o que acarretará em um acréscimo de quase R$ 40 para os assegurados.

Leia também: Revisão do INSS: TRF de dois estados negam pedido; entenda o porquê

Aposentadoria, auxílio doença e pensões obrigatoriamente terão o pagamento reavaliado. No caso de auxílios maternidades, entre outros, o valor depende da condição do processo de cada trabalhador.

Segundo o INSS, cerca de 70% dos seus assegurados recebem pelo menos um salário mínimo. No caso desse grupo, os depósitos com as correções serão realizados entre os dias 27 de janeiro e 7 de fevereiro.

Confira o calendário de pagamento do INSS 2020

Para beneficiários do INSS que ganham até um salário mínimo

Final do cartão Jan/2020 Fev/2020 Mar/2020 Abr/2020
1 27/jan 19/fev 25/mar 24/abr
2 28/jan 20/fev 26/mar 27/abr
3 29/jan 21/fev 27/mar 28/abr
4 30/jan 27/fev 30/mar 29/abr
5 31/jan 28/fev 31/mar 30/abr
6 03/fev 02/mar 01/abr 04/mai
7 04/fev 03/mar 02/abr 05/mai
8 05/fev 04/mar 03/abr 06/mai
9 06/fev 05/mar 06/abr 07/mai
0 07/fev 06/mar 07/abr 08/mai

 

Final do cartão Mai/2020 Jun/2020 Jul/2020 Ago/2020
1 25/mai 24/jun 27/jul 25/ago
2 26/mai 25/jun 28/jul 26/ago
3 27/mai 26/jun 29/jul 27/ago
4 28/mai 29/jun 30/jul 28/ago
5 29/mai 30/jun 31/jul 31/ago
6 01/jun 01/jul 03/ago 01/set
7 02/jun 02/jul 04/ago 02/set
8 03/jun 03/jul 05/ago 03/set
9 04/jun 06/jul 06/ago 04/set
0 05/jun 07/jul 07/ago 08/set

 

Final do cartão Set/2020 Out/2020 Nov/2020 Dez/2020
1 24/set 26/out 24/nov 22/dez
2 25/set 27/out 25/nov 23/dez
3 28/set 28/out 26/nov 28/dez
4 29/set 29/out 27/nov 29/dez
5 30/set 30/out 30/nov 30/dez
6 01/out 03/nov 01/dez 04/jan
7 02/out 04/nov 02/dez 05/jan
8 05/out 05/nov 03/dez 06/jan
9 06/out 06/nov 04/dez 07/jan
0 07/out 09/nov 07/dez 08/jan

 

Para beneficiários do INSS que ganham mais de um salário mínimo

Final do cartão Jan/2020 Fev/2020 Mar/2020 Abr/2020
1 e 6 03/fev 02/mar 01/abr 04/mai
2 e 7 04/fev 03/mar 02/abr 05/mai
3 e 8 05/fev 04/mar 03/abr 06/mai
4 e 9 06/fev 05/mar 06/abr 07/mai
5 e 0 07/fev 06/mar 07/abr 08/mai

 

Final do cartão Mai/2020 Jun/2020 Jul/2020 Ago/2020
1 e 6 01/jun 01/jul 03/ago 01/set
2 e 7 02/jun 02/jul 04/ago 02/set
3 e 8 03/jun 03/jul 05/ago 03/set
4 e 9 04/jun 06/jul 06/ago 04/set
5 e 0 05/jun 07/jul 07/ago 08/set

 

Final do cartão Set/2020 Out/2020 Nov/2020 Dez/2020
1 e 6 01/out 03/nov 01/dez 04/jan
2 e 7 02/out 04/nov 02/dez 05/jan
3 e 8 05/out 05/nov 03/dez 06/jan
4 e 9 06/out 06/nov 04/dez 07/jan
5 e 0 07/out 09/nov 07/dez 08/jan

 

Mudanças referentes as regras da PEC

Além disso, há também mudanças no que diz respeito a idade mínima, transição de pontos e tempo de contribuição para aqueles que forem receber suas aposentadorias.

Agora, para ter acesso ao benefício é preciso ter uma soma da contribuição e idade superior a 87 pontos (mulher) e 97 (homem). Em ambos os casos o trabalhador tem que ter contribuído ao menos 30 anos (mulheres) e 35 (trabalhadores).

Outra mudança importante é a redefinição da idade mínima progressiva, que passará a ser de 61 anos e seis meses para os homens e 56 anos e seis meses para as mulheres. Nesse caso, a contribuição será contabilizada em 35 anos (homens) e 30 anos (mulheres).

Para as mulheres, especificamente, houve também alterações no aumento do tempo de serviço do benefício por idade. As trabalhadoras precisarão ter ao menos 60 anos e seis meses para serem beneficiadas por essa regra e a contribuição deverá ser de 15 anos.

Por fim, o pedágio também passou por alterações. No caso do de 50%. As mulheres precisam de uma contribuição de 28 anos e os homens de 33 anos. Não há idade mínima para ambos.

Já no pedágio de 100% a mulher terá direito a se aposentar aos 57 anos, se cumprir todos os 30 anos de contribuição. Os homens, serão a partir dos 60 e a contribuição será de 35 anos.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

INSS 2020: Mudanças no pagamento obrigam beneficiários a ficarem atentos

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA