Atrasos no INSS repercutem com polêmicas nos benefícios

Instabilidade e insegurança assombram os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social. Logo após a aprovação da Reforma da Previdência, realizada no dia 13 de novembro, os brasileiros começaram a ter dificuldades para solicitar seus benefícios. Mesmo após dois meses de promulgação da medida, o sistema segue sem atualização ocasionando transtornos e atrasos no INSS.

Atrasos no INSS repercutem com polêmicas nos benefícios
Atrasos no INSS repercutem com polêmicas nos benefícios

Entre as principais reclamações, os assegurados se queixam sobre os atrasos na solicitação dos auxílios e também falam a respeito da dificuldade de agendar algum atendimento.

Leia também: Fortes mudanças nos benefícios do INSS em 2020; veja novas regras

No portal do INSS, as regras da Emenda Constitucional 103 ainda não foram aplicadas e o sistema segue em período de pausa.

Questionado, o Instituto informou que está trabalhando para reformular suas centrais de atendimentos.

Segundo a gestão administrativa, a validação da PEC “representou a maior e mais profunda reforma no sistema previdenciário do país, com significativos ajustes paramétricos, mudanças nas regras de acesso, idade, alíquotas, regras de transição, regras de cálculo, limitação à acumulação de benefícios e tantas outras.”

Aqueles trabalhadores que solicitaram a aposentadoria ou qualquer outro auxílio dentro das novas regras seguem sem saber em quanto tempo receberão as quantias.

Equipe despreparada geram atrasos no INSS

Além do problema nos meios digitais, muitos estão questionando o atendimento presencial também nas unidades do instituto. Uma reportagem do portal UOL mostrou a insatisfação da população que relatou não estar sendo bem atendida e informada sobre seus direitos.

Na matéria, os entrevistados alegaram que os próprios servidores do INSS ainda não estão atualizados das novas regras e por isso não sabem repassar as informações.

Uma das agentes, que não quis identificar-se, alegou que a gestão administrativa ainda irá ofertar um treinamento para a aplicação das medidas válidas a partir de 2020.

Ela também informou que a equipe está sentindo-se despreparada e isso dificulta a relação com os assegurados na hora do atendimento.

Propostas de melhorias

Mesmo mediante as queixas, o INSS segue divulgando novos projetos que irão otimizar o serviço. Está sendo esperado a aplicação de um servidor que agilize todos os dados dos assegurados e evite fraudes nos cadastros.

A ação faz parte da operação pente fino, que visa diminuir o número de beneficiários em situação de irregularidade.

Além disso, a previdência também vem criando um comitê para diminuir a quantidade de ações judiciais contra o instituto. O projeto visa corrigir os principais erros que levam o INSS até a justiça.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.