R$498 do FGTS não caiu na conta ? Veja por quê

Na última sexta-feira (20), o governo liberou para os trabalhadores realizarem o saque de mais R$498 da conta do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Apesar disso, alguns não receberam esse dinheiro, entenda!

R$498 do FGTS não caiu na conta ? Veja porquê
R$498 do FGTS não caiu na conta ? Veja porquê

Inicialmente, os trabalhadores tinham direito de sacar até R$500 das contas do fundo. Como foi editado e assinado pelo presidente a partir do dia 24 de julho de 2019. 

O FGTS é um benefício de direito para todos os brasileiros que trabalham ou trabalharam com carteira assinada.

Leia também: Fim do calendário do saque imediato FGTS: ainda é possível sacar?

A conta do FGTS é aberta pela empresa que deposita mensalmente 8% do valor que é recebido pelo trabalhador.

Têm direito ao dinheiro que está disponível neste fundo, aqueles trabalhadores que trabalharam durante um ano e não foram demitidos por justa causa.

No início de dezembro o governo adotou uma medida provisória sugerida pelo deputado federal Hugo Motta, e aumentou o limite de R$500 para R$998 por conta do FGTS. O dinheiro foi liberado na última sexta-feira (20) para todos que têm direito.

Veja porquê não recebeu o novo limite do FGTS 

Primeiro, é preciso saber se havia em sua conta, ativa ou inativa, do fundo de garantia com um saldo entre R$501 e R$998 até o dia 24 de julho de 2019.

Os trabalhadores que tiverem mais que esse valor nas contas, não poderão realizar um saque maior que R$500, sendo que o limite já foi liberado desde o mês de setembro. 

Sendo assim, se o trabalhador tiver em uma das contas o valor de R$ 998 e em outra R$1 mil, ele poderá sacar da primeira todo o dinheiro. Porém da segunda conta só poderá retirar os R$500. 

Se mesmo tendo direito o benefício não foi depositado, o titular deve procurar um funcionário da Caixa para pedir ajuda. No sistema do banco ficarão as informações sobre alguma irregularidade.

Quem é correntista precisa autorizar o crédito automática, por meio do aplicativo ou direto na agência;

O trabalhador que possuir conta na Caixa Econômica Federal vai ter o valor depositado pelo banco de forma automática. Mas aqueles que não têm devem ir até uma agência para realizar o saque.

Se o trabalhador ainda tiver dúvida se poderá ou não receber o dinheiro é possível realizar uma consulta do valor pelo site da Caixa ou pelo aplicativo FGTS. 

Para realizar a consulta é necessário ter em mãos o número do NIS e a senha do Cartão Cidadão.

O valor poderá ser sacado até o dia 31 de março do próximo ano. Caso o trabalhador não retire esse dinheiro ele retornará ao fundo, sem prejuízo de rentabilidade no período em que ficou disponível para saque.

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

R$498 do FGTS não caiu na conta ? Veja por quê

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA