Compras de Natal: dicas infalíveis para não extrapolar

O Natal está cada vez mais próximo, mas ainda há muita gente indo aos centros de compra para concluir as listas de presentes e produtos para a ceia. Roupas e alimentos estão entre os produtos mais procurados pelos brasileiros. Nessa época, tradicionalmente, as famílias se reúnem para celebrar o fim de mais um ano. Se você ainda não encerrou suas compras de Natal, separamos uma lista com dicas para economizar. Confira.

Compras de Natal: dicas infalíveis para não extrapolar
Compras de Natal: dicas infalíveis para não extrapolar

Dicas para economizar nas compras de Natal

  1. Faça uma lista por ordem de prioridade dos produtos

Ela evitará que você se perca no meio das ofertas e acabe comprando coisas que não precisa. Ao listar exatamente seus interesses, você irá ao ponto de venda sabendo exatamente aquilo que deseja e não precisará ficar procurando em diversos estabelecimentos.

Leia também: Cesta de Natal: Preços sobem e devem surpreender consumidores

  1. Pesquisa de preço

Sites, aplicativos e demais serviços online podem lhe ajudar quanto aos preços dos produtos. Por ser uma época de alta demanda, muitas marcas acabam elevando os valores para enganar os clientes.

É importante que você tenha uma noção do preço médio dos produtos para evitar ser enganado. Além disso, facilitará na busca por promoções. Ao consultar as ferramentas você pode encontrar ofertas que lhe proporcionarão uma boa economia.

  1. Cuidado com a ceia

Nesse fim de ano as proteínas e demais produtos tradicionalmente consumidos estão mais caros. Procure por opções secundárias para não pesar tanto financeiramente.

No lugar do bacalhau, por exemplo, porque não procurar por um outro pescado mais em conta? Basta elaborar o cardápio com uma certa antecedência e pensar em como substituir alguns produtos com valores mais salgados.

  1. Atenção aos presentes

Por ser uma época de muitas confraternizações, é comum exagerar nas compras de Natal presenteando os familiares. Uma boa opção é que no amigo secreto da família, por exemplo, seja estipulado um valor máximo para as lembranças.

Isso evitará a frustração de presentes não desejados e também manterá todos com a mesma despesa.

  1. Cartão de crédito

Tenha controle do que você vai passar no cartão de crédito durantes as compras de Natal, e estipule um limite de uso. Por ser um serviço mais prático e que de certa forma foge um pouco do controle, é normal que se use mais e acabe ultrapassando o orçamento.

Então, delimite uma quantia máxima para que você não comece o mês de janeiro em dívidas.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Compras de Natal: dicas infalíveis para não extrapolar

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA