Visando antecipar o procedimento de saques, a Caixa Econômica Federal vem realizando retiradas automáticas na conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A decisão foi tomada graças ao pagamento do saque-imediato que autoriza a liberação de R$500 para os trabalhadores.

Caixa admite que faz retiradas automáticas de R$500 do FGTS
Caixa admite que faz retiradas automáticas de R$500 do FGTS

Segundo a instituição financeira, aqueles que têm saldo suficiente em suas contas do FGTS estão tendo o valor de R$ 500 realocados para as contas bancárias de modo que agilize a retirada do benefício. Entretanto, caso o trabalhador não deseje utilizar o dinheiro, o valor retornará para a sua conta do FGTS com todas as atualizações monetárias do período em que foi debitado.

A movimentação vem sendo realizada dias antes do pagamento conforme o calendário do FGTS. Por exemplo, o atual grupo com o valor liberado (nascidos em agosto) tiveram os R$ 500 retirados do seu fundo de garantia na última semana sem aviso prévio, mas poderão ter o dinheiro devolvido conforme informado.

Leia também: Liberado saque do FGTS para nascidos em agosto 

Devolução do valor do FGTS

O prazo final para retirar os R$ 500 é até 31 de março de 2020. Quem não mover o dinheiro contará com sua devolução para o fundo. Porém, se o trabalhador desejar devolve-lo antes, precisará ir até uma agência Caixa e solicitar o pedido.

O banco dará um prazo de até 60 dias para concluir o serviço e tem por obrigação devolver a quantia na íntegra.

Movimentação econômica

Segundo dados da Caixa, já foram liberados mais de R$ 40 bilhões nas contas dos trabalhadores, sejam elas ativas ou inativas. Ao todo, mais de 96 milhões de brasileiros serão contemplados com o benefício.

Ainda segundo a Caixa, somente em setembro e novembro foram sacados cerca de R$ 20,1 bilhões por 46,3 milhões de trabalhadores. A quantia corresponde a 48% do total de contemplados, que sacaram 50% do valor previsto.

Calendário FGTS

Iniciado durante o mês de setembro, os saques de até R$ 500 foram liberados primeiro para os correntistas Caixa. Na sequência, aqueles que não têm vínculo com a instituição financeira foram os próximos a receber.

O pagamento está sendo realizado de acordo com o mês de aniversário dos trabalhadores e deve ser encerrado em dezembro. Entretanto, quem quiser pode retirar o benefício até março de 2020. Confira os prazos restantes:

  • Aniversário em agosto: saque a partir de 29/11/2019
  • Setembro e outubro: saque a partir de 6/12/2019
  • Novembro e dezembro: saque a partir de 18/12/2019

Eduarda Andrade é graduanda em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). Além de redatora do FDR, atua como estagiária da Agência de Desenvolvimento Econômico do Estado-PE e pesquisadora UNICAP/CNPq com projetos na área de Economia Criativa, Políticas Públicas e Tecnologia da Informação e da Comunicação.