Parcela do 13° salário cai em conta nesta sexta-feira (29)

Nesta sexta-feira (29), os trabalhadores que são contratados pela iniciativa privada, e ainda não receberam a sua primeira parcela do 13° salário, poderão sacar o benefício. A parcela extra é garantida por lei. 

Parcela do 13° salário cai em conta nesta sexta-feira (29)
Parcela do 13° salário cai em conta nesta sexta-feira (29)

O 13° é uma garantia da lei brasileira e tem uma variedade de propósitos, entre eles aquecer a economia no final de ano. 

Conforme a lei, o pagamento do 13° salário deveria ser realizado pelas empresas até o dia 30 de novembro, porém a data cai em um sábado, por isso o pagamento será adiantado para a sexta-feira (29).

Na primeira parcela o salário extra não terá o desconto do Imposto de Renda (IR) e nem da contribuição previdenciária. Com isso o trabalhador irá receber o benefício livre de descontos.

Leia também: Governo altera regras do 13° salário no programa Verde e Amarelo

Porém na segunda parcela, que deve ser paga aos trabalhadores até o dia 20 de dezembro, esses descontos irão ser realizados. Partindo disso, na segunda parcela o valor recebido será bem menor.

Os trabalhadores que recebem um salário mínimo, que atualmente é de R$998, irão receber na primeira parcela do pagamento do 13º salário, um valor de R$499, visto que é paga a metade do salário.

Já na segunda parcela, o valor recebido pelo trabalhador será de R$419, isso por conta do desconto de 8%, que dá um total de R$ 79,84 referente ao INSS. 

Para os trabalhadores que recebem o piso, não são realizados os descontos do Imposto de Renda. Neste ano, os trabalhadores que ganham até R$1.903,98, serão isentos do tributo também.

Agora, quem recebe R$3 mil mensais ou mais, receberá na primeira parcela um valor de R$1.500. Já na segunda, o valor recebido pelo trabalhador será apenas de R$1.112, já que serão descontados 11% do INSS, que fica em torno de R$330 e ainda há o desconto de R$57,75 do Imposto de Renda.

Os funcionários que foram contratados ao longo deste ano pelas empresas, irão receber o seu 13º salário proporcional ao período em que eles atuaram. No caso desses trabalhadores os descontos do IR irão depender de sua faixa salarial, podendo variar de 7,5% a 27,5%.

Neste ano, a contribuição previdenciária também vai variar de 8% até 11%, dependendo de quanto o trabalhador ganha.

No mês de março do ano que vem, as porcentagens vão mudar, entre 7,5% a 14% dependendo do salário recebido. Por conta da reforma da Previdência. 

Os beneficiários do INSS já começaram a receber a segunda parcela na segunda-feira (25), desta semana.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.