Mais uma cota liberada para o saque de R$500 do FGTS. Dessa vez, os trabalhadores nascidos em abril e maio já podem ir até uma agencia Caixa Econômica Federal para retirar o benefício. Segundo o banco, espera-se que mais de 8,8 milhões de trabalhadores recebam cerca de R$ 3,4 bilhões até a próxima autorização.

Saque de R$500 do FGTS tem início hoje para nascidos em abril e maio
Saque de R$500 do FGTS tem início hoje para nascidos em abril e maio

Aqueles nascidos entre janeiro e março, que tiveram o auxílio liberado em setembro, e podem receber a quantia até o dia 31 de março de 2020. Já quem faz aniversário a partir de junho, terá que esperar u pouco mais.

Leia também: Liberado mais R$498 para saque do FGTS em 2019; veja se tem direito a quantia

Calendário saque de R$500 do FGTS

  • Nascidos em janeiro: já podem sacar
  • Fevereiro e março: já podem sacar
  • Abril e maio: recebem a partir de 8/11/2019
  • Junho e julho: recebem a partir de 22/11/2019
  • Agosto: recebem a partir de 29/11/2019
  • Setembro e outubro: recebem a partir de 6/12/2019
  • Novembro e dezembro: recebem a partir de 18/12/2019

Aqueles cadastrados na Caixa receberam o valor diretamente na conta poupança em setembro e início de outubro. Os titulares da conta-corrente, também no mesmo banco, devem autorizar o depósito para receber durante os próximos 20 dias.

Quem tiver mais de uma conta para receber o FGTS, podendo ser ativa (emprego atual) e inativa (empregos antigos), tem o direito de sacar até R$ 500 em cada uma delas, totalizando R$ 1000.

Segundo um levantamento realizado pela Caixa, até o último dia 5 mais R$ 17,4 bilhões foram retirados para cerca de 41,3 milhões de brasileiros. Perante a quantia, pode-se afirmar que cerca de 43% dos 96 milhões de trabalhadores já estão com o dinheiro em mãos.

Possibilidade de aumento

Além da antecipação, há ainda uma possibilidade de aumento do saque. Em reunião realizada na Câmara, foi aprovada uma Medida Provisória (MP) que possibilita o aumento do saque para R$ 998, valor equivalente ao salário mínimo.

Ainda em tramitação, a posposta pode ser aprovada nas próximas semanas, caso seja aderida pelo Senado. O prazo de definição é até o dia 20 de novembro e sendo autorizada a Caixa precisará realizar um novo chamado para aqueles que já sacaram o valor possam retirar a quantia restante (R$ 498).

Horários estendidos

Para facilitar o fluxo de atendimento, nessa sexta (8) e na próxima segunda-feira (11), 2.381 agências funcionam em horário especial. Aquelas que abrem às 8h vão fechar uma hora mais tarde e as que abrem a partir das 9h vão iniciar as atividades uma hora mais cedo.

É possível conferir os endereços através do site: www.fgts.caixa.gov.br.