Moradia GRATUITA aos idosos 60+? Veja os novos direitos aprovados para este público

Recentemente, foram aprovadas novas medidas que ampliam os direitos dos idosos com mais de 60 anos, incluindo a possibilidade de acesso à moradia gratuita. Essas iniciativas têm o objetivo de garantir uma melhor qualidade de vida e segurança para a população idosa, proporcionando mais dignidade e bem-estar.

Moradia GRATUITA aos idosos 60+? Veja os novos direitos
aprovados para este público. (Imagem: Jeane de Oliveira/ FDR)

O programa oferece moradia gratuita para idosos que recebem o Bolsa Família ou o BPC (Benefício de Prestação Continuada). Esta medida foi criada para garantir que os idosos tenham um lugar digno para viver, sem a preocupação com os custos habitacionais. O objetivo é atender especialmente aqueles que possuem renda mensal de até dois salários mínimos.

A especialista Laura Alvarenga, colaboradora do FDR, comenta mais sobre o Minha Casa Minha Vida, confira.

Acesso à moradia gratuita

A iniciativa será realizada por meio do programa Minha Casa Minha Vida, que agora inclui uma modalidade específica para idosos. Esta nova fase do programa prevê a isenção total das prestações da casa própria para aqueles que se enquadram nas condições estabelecidas. Além disso, o programa terá uma atenção especial às famílias com renda de até R$ 2.640 por mês.

Assim, para se qualificar para a moradia gratuita, os idosos devem atender aos seguintes critérios:

Os critérios de renda são ajustados conforme a localização, seja em áreas urbanas ou rurais, com faixas específicas para cada caso. Vale destacar que benefícios temporários, assistenciais ou previdenciários, como auxílio-doença e seguro-desemprego, não são contabilizados na renda bruta.

Critérios para moradia gratuita 

O programa Minha Casa Minha Vida visa beneficiar famílias com renda mensal bruta de até R$ 8 mil em zonas urbanas, ou renda anual bruta de até R$ 96 mil em áreas rurais.

As famílias são classificadas em três faixas de renda para áreas urbanas:

Para as áreas rurais, as faixas são divididas da seguinte maneira:

 

Yasmin NascimentoYasmin Nascimento
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), com MBA em Digital Strategy também pela Unicap. Com sólida experiência em redação e gestão de redes sociais, a carreira de jornalista começou na redação do Diario de Pernambuco, indo desde estagiária até editora assistente, contribuindo com o conteúdo factual, as redes sociais do jornal e SEO. Além disso, também tem experiência como social media em agências, trabalhando com uma variedade de segmentos e marcas.
Sair da versão mobile