Valor de R$ 6,2 mil do FGTS já pode ser retirado em saque pela Caixa

A Caixa Econômica só libera o saque-calamidade do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) em cidades onde o decreto de calamidade pública for reconhecido. A partir disso os trabalhadores podem usar o canal online do fundo para solicitar a parcela de R$ 6,2 mil. 

fgts
Valor de R$ 6,2 mil do FGTS já pode ser retirado em saque pela Caixa (Foto: FDR)

Como o decreto de calamidade pública das cidades do Rio Grande do Sul estão sendo publicados e reconhecidos aos poucos, a Caixa vai liberando o saque-calamidade do FGTS nesta mesma ordem. Recentemente, os moradores de mais 4 cidades foram autorizados a fazer a retirada.

Quem pode receber o saque-calamidade do FGTS?

O saque-calamidade do FGTS é liberado em qualquer lugar do país. O seu objetivo é servir como uma forma de reerguer financeiramente aquele trabalhador que foi atingido com por algum desastre natural.

Quando a cidade decreta situação de calamidade pública, a Caixa já se organiza para liberar os recursos por essa modalidade. São em razões como: enchentes, alagamentos, deslizamentos, derramamento de barragem, seca, estiagem e outros. 

O valor recebido é de no máximo R$ 6.220, e o trabalhador não pode ter feito o saque do FGTS pelo mesmo motivo em período menor que um ano. 

Como pedir o saque-calamidade do FGTS?

O pedido do saque-calamidade do FGTS pode ser feito presencialmente, em uma agência da Caixa. Acontece que em muitas cidades nem mesmo o banco está funcionando devido ao alagamento. 

Por isso, a opção dada ao trabalhador é o pedido online:

Outra opção é receber o saque-aniversário pelo FGTS, eu explico como ele funciona nesta matéria

 

Lila CunhaLila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com
Sair da versão mobile