Revelada a lista de brasileiros que estão LIVRES de pagar a conta de luz por até 90 dias

Com as fortes chuvas que vem atingindo o Rio Grande do Sul, a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou que os cortes de energia para residências afetadas pelas inundações no estado, mesmo aquelas que estão com pagamentos atrasados, estão proibidos. Além disso, não serão aplicados juros nem multas sobre os valores das contas em atraso.

Revelada a lista de brasileiros que estão LIVRES de pagar a
conta de luz por até 90 dias. (Imagem:  Jeane de Oliveira/ FDR)

De acordo com a decisão, as pessoas que residem em áreas que decretaram estado de calamidade terão até 90 dias para regularizarem suas pendências financeiras. Já aqueles em localidades que não estão na lista das que decretaram calamidade, terão um prazo de um mês para quitar seus débitos.

Em comunicado, a Aneel explicou que flexibilizou as normas referentes à prestação do serviço de distribuição de energia elétrica, levando em consideração a situação de calamidade pública decorrente das enchentes no estado do Rio Grande do Sul.

A especialista Laura Alvarenga, colaboradora do FDR, comenta mais sobre o Rio Grande do Sul, confira.

Distribuição de energia no Rio Grande do Sul

Ainda segundo a Aneel, no estado do Rio Grande do Sul, existem 20 empresas distribuidoras de energia elétrica, as quais servem aproximadamente 4,5 milhões de unidades consumidoras. Durante a primeira metade de maio, essas empresas reportaram à agência que mais de 420 mil consumidores sofreram interrupções no fornecimento de energia.

As subestações foram desligadas devido a inundações e por questões de segurança. Além disso, extensões significativas de redes de distribuição foram danificadas, enquanto redes de transmissão e usinas geradoras ficaram sem funcionar.

Ainda existe estado de atenção com as barragens e centros de atendimento por telefone e presenciais foram desativados, assim como diversas estradas tiveram que ser desativadas devido a quantidade de água. 

 

Yasmin NascimentoYasmin Nascimento
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com MBA em Digital Strategy, também pela Unicap. Com experiência em redação e redes sociais.
Sair da versão mobile