Auxílio para desempregados: R$ 540 + R$ 1.412 disponíveis para saque

Os trabalhadores que forem desligados do seu emprego formal poderão receber auxílios que variam de R$ 540 a R$ 2.313,74. A quantia exata, que para muitos deve chegar ao valor de um salário mínimo (R$ 1.412), é calculada com base no tipo de benefício em que o cidadão conseguiu aprovação. 

seguro-desemprego
Auxílio para desempregados: R$ 540 + R$ 1.412 disponíveis para saque
(Foto: FDR)

Existem dois benefícios diferentes que podem ser pagos aos desempregados, mas que não podem ser recebidos juntos. O seguro-desemprego libera no mínimo R$ 1.412 para cada trabalhador, em um prazo de três a cinco meses. 

E tem ainda, o Bolsa Trabalho que paga R$ 540 por no máximo quatro meses, mas ao inserir novamente no mercado de trabalho aqueles que estavam desempregados a mais de um ano. 

Como receber o seguro-desemprego?

O seguro-desemprego é um benefício federal, ele é pago para todo trabalhador que foi demitido sem justa causa. É necessário ter trabalhado com carteira assinada por no mínimo um ano antes de fazer o primeiro pedido pelo seguro. 

O valor liberado é calculado com base na média salarial dos últimos três meses que antecederam a demissão. Com o resultado da média é preciso aplicar a quantia na seguinte tabela:

Faixas de Salário Médio necessárias ao Cálculo do Seguro-Desemprego

Cálculo da Parcela

  • até R$ 2.041,39 
  • multiplica-se o salário médio por 0,8
  • de R$ 2.041,40 até R$ 3.402,65
  • o que exceder a R$ 2.041,39 multiplica-se por 0,5 e soma-se com R$ 1.633,10
  • acima de R$ 3.402,65 
  • o valor será invariável de R$ 2.313,74

O valor mínimo a ser pago é de R$ 1.412, e o máximo é de R$ 2.313,74. 

Como receber o Bolsa Trabalho?

O Bolsa Trabalho é um programa exclusivo do estado de São Paulo. Foi criado em 2021, por meio do Bolsa do Povo, eu explico melhor sobre o Bolsa do Povo nesta matéria

Nesta ação quem estava há mais de 1 ano desempregado recebe a chance de trabalhar por até 4 horas diárias, recebendo R$ 540 por mês em um contrato de quatro a cinco meses. As inscrições para o programa estão temporariamente fechadas, mas acontecem no site. 

 

Lila CunhaLila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com
Sair da versão mobile