Governo paga novo auxílio de R$ 706 para estimular inclusão no mercado de trabalho

Conseguir se recolocar no mercado de trabalho pode ser um grande desafio para os brasileiros que perderam o vínculo formal de emprego. Para ajudar parte desse grupo, o Governo Federal decidiu liberar um importante benefício no valor de R$ 706. 

Governo paga novo auxílio de R$ 706 para estimular inclusão no mercado de trabalho. (Imagem: FDR)

O pagamento é realizado como forma de incentivar os cidadãos a procurarem as vagas formais. No entendimento do Governo Lula, esse pagamento também pode auxiliar a complementar a renda de alguns dos brasileiros que vivem em situação de vulnerabilidade social e econômica.

Entenda como funciona o pagamento do auxílio inclusão:

  • O benefício é liberado para cidadãos que recebiam o Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • Atualmente, o programa atende idosos com mais de 65 anos ou pessoas com deficiência;
  • Para ser atendido é preciso que o cidadão tenha uma baixa renda;
  • Além disso, ele deverá estar cadastrado no CadÚnico;
  • De acordo com a especialista do FDR, Lila Cunha, essa inscrição deve ser feita em uma unidade do CRAS;
  • Ao ser incluído no programa o cidadão passa a receber um pagamento mensal no valor mínimo de R$ 1.402;
  • Porém, caso consiga um vínculo formal de emprego, o cidadão passa a receber o benefício de R$ 706;
  • O pagamento é realizado caso a nova vaga de emprego tenha remuneração de, no máximo, dois salários mínimos;
  • Por enquanto, o benefício está restrito para os cidadãos que comprovarem possuir alguma deficiência considerada de grau moderado ou grave;
  • Esse processo deve ser feito por meio de uma perícia médica do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social);
  • Atualmente,  o órgão é o responsável pelo pagamento do BPC e dos programas relacionados ao benefício;
  • Outro critério é que o cidadão esteja com o CPF regularizado e sem pendências;
  • Além disso, o benefício não pode ser acumulado com outros programas como o Bolsa Família, por exemplo;
  • Para garantir o benefício o cidadão deverá buscar atendimento em uma unidade do CRAS.

Confira outros detalhes sobre o Benefício de Prestação Continuada neste link.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.