FGTS Calamidade para as vítimas das enchentes no RS já pode ser solicitado

Os moradores do estado do Rio Grande do Sul poderão receber até R$ 6.220. O motivo é que o governo estadual decretou situação de calamidade pública, já reconhecida pelo governo federal. Logo, será possível receber uma parte do que há na conta do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

SAQUE CALAMIDADE FGTS RIO GRANDE DO SUL: VEJA COMO PEDIR O VALOR NA CAIXA PELO APLICATIVO

As fortes chuvas no Rio Grande do Sul alagaram centenas de cidades, encheram os rios acima da média, e há regiões submersas. Com isso, mais de 844 mil pessoas foram atingidas e o registro é de 78 mortes. Diante da situação, o FGTS Calamidade pode ser uma forma de reerguer o povo.

Quem vai receber o FGTS por calamidade?

Para receber o FGTS por situação de calamidade pública, os moradores do Rio Grande do Sul precisarão se encaixar em algumas regras. O valor máximo a ser liberado é de R$ 6.220, mas quem tem uma quantia menor na conta vai poder zerar o seu saldo.

A liberação valerá para quem:

Como pedir o saque calamidade do FGTS?

Os trabalhadores deverão esperar o reconhecimento da Caixa sobre a situação de calamidade pública, o que não deve demorar a acontecer devido o grau de catastrófe natural que o Rio Grande do Sul vive.

A partir deste reconhecimento o pedido pelo saque calamidade do FGTS acontece no próprio aplicativo.

Outra opção é receber o saque-aniversário pelo FGTS, eu explico como ele funciona nesta matéria. 

Lila CunhaLila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com
Sair da versão mobile