Governo corta pagamentos do 13° salário do INSS e milhões de IDOSOS ficam sem o abono de R$ 1.412

O Governo Federal começou a realizar os pagamentos do 13º salário do INSS para mais de 33 milhões de idosos e pensionistas no dia 24 de abril, auxiliando-os financeiramente, além de gerar uma grande movimentação na economia do país.

Governo corta pagamentos do 13° salário do INSS e milhões de
IDOSOS ficam sem o abono de R$ 1.412. (Imagem: Jeane de Oliveira/ FDR)

Porém, aproximadamente 6 milhões de beneficiários não serão contemplados com esse adiantamento. Isso porque eles recebem valores através do BPC (Benefício de Prestação Continuada) ou ainda não atingiram o tempo mínimo para receber o benefício previdenciário.

Portanto, é crucial que todos estejam atentos às informações sobre o pagamento do 13º salário e busquem conhecer seus direitos e eventuais benefícios.

A especialista Lila Cunha, colaboradora do FDR, comenta mais sobre o BPC, confira.

O que é o BPC?

O BPC é um benefício pago para idosos com 65 anos ou mais e para pessoas com deficiência e, diferente da aposentadoria paga pelo INSS, não é necessário realizar uma contribuição mensalmente para o BPC. Assim, os beneficiários também não tem direito ao 13º salário no valor de R$ 1.412.

Quem tem direito ao 13º do INSS?

Confira o calendário de pagamentos do 13º salário

Para quem recebe até um salário mínimo

Número final do benefício     1ª parcela paga em abril 2ª parcela paga em maio
1 24/4 24/5
2 25/4 27/5
3 26/4 28/5
4 29/4 29/5
5 30/4 31/5
6 2/5 3/6
7 3/5 4/6
8 6/5 5/6
9 7/5 7/6
0 8/5 7/6

Para quem recebe mais de um salário mínimo

Número final do benefício     1ª parcela paga em maio 2ª parcela paga em junho
Finais 1 e 6 2/5 3/6
Finais 2 e 7 3/5 4/6
Finais 3 e 8 6/5 5/6
Finais 4 e 9 7/5 6/6
Finais 5 e 0 8/5 7/6

 

Yasmin NascimentoYasmin Nascimento
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com MBA em Digital Strategy, também pela Unicap. Com experiência em redação e redes sociais.
Sair da versão mobile